JF. sexta-feira 23 jun 2017
OUÇA AGORA
Publicidade
5 de janeiro de 2017 - 07:00

Caminho da roça

Fiat Mobi Way se vale da suspensão elevada e reforçada para encarar alguns buracos e terra
Por Márcio Maio - Auto Press

É cada vez mais comum as marcas automotivas apostarem em versões aventureiras para seus hatches. Sejam elas realmente melhoradas com alguma aptidão diferenciada para o fora de estrada ou apenas com visual off-road. A Fiat, que vem apostando na linha Way para aumentar o potencial de vendas de seus hatches, não fez diferente com o Mobi. E, de fato, as vendas do subcompacto começaram a decolar e ultrapassaram o patamar das 3 mil unidades mensais depois da chegada do Way.

Alterações na suspensão e a adição de barras de teto deixam o carrinho 6cm mais alto que sua configuração de entrada – totalizando 1,55m de altura – e com aspecto que tenta ostentar certa robustez. Para isso, foram inseridos parachoques exclusivos e mais encorpados, molduras nas caixas das rodas e, para quem escolhe a topo de linha, Way On, rodas de liga leve de 14 polegadas. Por dentro, algumas mudanças também aparecem. Caso dos tecidos exclusivos nos bancos – duas cores na On – e do acabamento em preto brilhante no painel. A identificação Way aparece na tampa traseira preta, em adesivo.

Mecanicamente, o motor é o mesmo 1.0 Fire de 75 cv e 9,9 kgfm de torque, já velho conhecido no Brasil. E que equipa a maior parte da gama Mobi – só a versão Drive já recebe o novo 1.0 Firefly de três cilindros. A suspensão do Mobi Way ganha barra estabilizadora na dianteira e amortecedores de maior curso, além de ampliar em 15mm a altura em relação ao solo. A Fiat ainda retirou do modelo a quantidade imensa de opcionais que costuma disponibilizar em outros carros de volume. No Mobi Way, os principais itens são entregues de série.

Para isso, o “recheio” é condizente com o segmento de hatches de entrada de hoje. Há ar-condicionado, direção hidráulica e vidros dianteiros e travas elétricas. Volante e banco do motorista com regulagem de altura e computador de bordo também fazem parte do pacote. O rádio com bluetooth e volante multifuncional, opcional no Mobi Way, é de série no Way On. Em termos de segurança, porém, não há nada além dos obrigatórios airbags frontais e freios ABS.

Sem a assinatura On, o Mobi Way parte de R$ 39.890, mas pode chegar a R$ 42.015 ao ganhar alarme antifurto e rádio integrado ao painel com RDS, entrada USB/Aux, bluetooth com função audio streaming e volante multifuncional. Já o Mobi Way On vai a R$ 44.460.

Publicidade


*

Restam 500 digitos

 

Top