Publicidade

17 de Julho de 2014 - 06:00

Dinâmica agrada, mas preço por lista de equipamentos básica é alto

Por RAPHAEL PANARO

Compartilhar
 

O mercado de utilitários esportivos médios no Brasil é bem plural. Mitsubishi ASX, Kia Sportage, Chevrolet Captiva, Honda CR-V, Volkswagen Tiguan e Toyota RAV4 são algumas das opções disponíveis. Mas no meio da "multidão" quem se destaca é o Hyundai ix35. Trazido para o Brasil em 2011 pelo Grupo CAOA - importador e distribuidor oficial de veículos da Hyundai em solo brasileiro - o modelo emplacou mais de 13.500 unidades no ano de estreia. Nos anos seguintes a média baixou em virtude das cotas de importação e do super-IPI trazido pelo Inovar-Auto. Mas assim como fez com o Tucson, o grupo CAOA "nacionalizou" o ix35 no final de 2013. Produzido desde setembro do ano passado na fábrica Anápolis, Goiás - juntamente com o Tucson -, o ix35 retomou os patamares de venda em 2014. Nem mesmo o preço beirando os R$ 100 mil afastou a "clientela". Só no primeiro semestre desse ano foram mais de sete mil registros - o que faz do utilitário o carro-chefe dos importados da Hyundai no território brasileiro.

Após três anos no mercado, o ix35 ainda mostra fôlego visual. Mesmo com a chegada do renovado Santa Fe, o SUV médio tem linhas modernas. A estética frontal é bem agressiva com os faróis recortados e afilados e grade dianteira que dá sensação de robustez. Atrás, as lanternas são bem proporcionais ao tamanho da traseira e ainda invadem as laterais. As rodas de 18 polegadas também dão uma "encorpada" ao carro. E, finalmente, o perfil de linhas sinuosas dá um aspecto bastante dinâmico ao modelo.

Para o ix35 "Made In Brazil", a Hyundai adotou uma solução caseira e pegou emprestada a motorização do Elantra. Trata-se do motor flex 2.0 litros com duplo comando no cabeçote e duplo comando de válvulas. A potência fica em 169cv e o torque em 20,4kgfm, quando abastecido com gasolina. Com etanol no tanque, os números sobem para 178cv e 21,8kgfm. O trem de força completo conta ainda com uma transmissão automática de seis marchas.

A marca sul-coreana pede exatos R$ 98.850 pela versão única do ix35 à venda no mercado brasileiro - a GLS. Vem acompanhada de itens interessantes como piloto automático, tela multimídia de sete polegadas que agrega funções de navegação, câmera de ré, rádio com MP3/DVD/USB/Bluetooth, partida sem chave e rodas de alumínio de 18 polegadas. Porém, equipamentos mais sofisticados como controle de estabilidade, teto solar, ar-condicionado digital e airbags laterais não aparecem nem como opcionais.

Publicidade

Publicidade

Mais comentários

Ainda não é assinante?

Compartilhe

Publicidade

Encontre um tema na

Pesquisa

Edição impressa

Enquete

Você está fazendo pesquisa de preços para controlar o orçamento?