Publicidade

19 de Março de 2014 - 07:00

Por Tribuna

Compartilhar
 
Entrada pela Avenida Coronel Vidal fica fechada durante a madrugada por questão de segurança
Entrada pela Avenida Coronel Vidal fica fechada durante a madrugada por questão de segurança

O portão que dá acesso ao Terminal Rodoviário Miguel Mansur a partir da Avenida Coronel Vidal está sendo fechado no período de meia-noite às 5h. Com a medida, pedestres que utilizam a passagem de nível entre a Rua Bernardo Mascarenhas e a Coronel Vidal precisam dar a volta pela Avenida Brasil para acessar a rodoviária neste horário. A medida foi implantada há três semanas pela Sinart, empresa que administra o terminal, e uma placa afixada no portão alerta os frequentadores sobre o fechamento.

A mudança não agradou as pessoas que precisam fazer a travessia. "Acho que a decisão tem que ter um fundamento, e as pessoas devem ser avisadas sobre isso. Pela Constituição, não se pode tirar o direito de ir e vir do cidadão, ainda mais se tratando de local público. Mesmo sendo um horário de pouco uso, o fechamento do portão não se justifica", afirmou o militar reformado Vicente Paulo da Silva, 49 anos. A cozinheira Cassilda Estevão de Oliveira, 49, completa: "Várias pessoas descem no ponto de ônibus na Avenida Coronel Vidal e usam o acesso pela rodoviária. Fazer a volta é muito perigoso. Passar pelo portão é mais rápido e seguro."

De acordo com o supervisor do terminal Davis Peterson Laurindo, a medida foi adotada por uma questão de segurança. "Estávamos tendo muitas reclamações com relação ao banheiro gratuito. Pedintes acuavam os frequentadores nos fundos do terminal e usuários de crack ficavam amontoados no setor de carga e descarga. Depois que tomamos essa medida, isso acabou. Além disso, a gente consegue ter o controle de quem está entrando na rodoviária e quem realmente vai embarcar."

Segundo o gerente do terminal Artur Rodrigues Bittencourt, o assunto vem sendo discutido há muito tempo. Por meio de correspondências entre o Ministério Público, a Guarda Municipal e a Polícia Militar chegou-se a esta decisão. "É uma forma de garantir a segurança do usuário. Não temos relação com a passagem de nível, e aquela é uma área de carga e descarga. O acesso ao terminal deve ser feito sempre pela entrada principal. Um funcionário faz ronda no local e, na eventualidade de encontrar alguém querendo passar, pode abrir o portão". Artur ainda completa: "A placa foi colocada para informar a população. Sabemos que ela pode trazer algum transtorno, mas é um questão de tempo até as pessoas de acostumarem."

Publicidade

Publicidade

Mais comentários

Ainda não é assinante?

Compartilhe

Publicidade

Encontre um tema na

Pesquisa

Edição impressa

Enquete

Você escolhe seu candidato através de: