Publicidade

28 de Abril de 2014 - 16:56

Por Tribuna

Compartilhar
 

Atualizada às 19h58

Dois agentes penitenciários de 36 e 46 anos precisaram disparar contra um suspeito no início da tarde desta segunda-feira (28), na Rua Vitorino Braga, no bairro homônimo da região Sudeste de Juiz de Fora. Os profissionais relataram à Polícia Militar que trafegavam pela via na viatura caracterizada da Subsecretaria de Administração Prisional (Suapi), às 12h40, com mais outros dois agentes penitenciários, quando o grupo foi surpreendido por um Fiat Uno, que fechou a viatura. Suspeitando da manobra, os agentes desceram do carro, quando o homem que ocupava o Fiat Uno sacou um revólver. "Para conter a iminência de uma injusta agressão, foi efetuado o primeiro disparo de arma de fogo em direção ao pneu do veículo", relata o boletim de ocorrência feito pela PM. Um segundo tiro foi efetuado pelos agentes, mas nenhum acertou o pneu do Uno. O suspeito, conhecido no meio policial, conseguiu fugir. Policiais militares fizeram o rastreamento na região, mas não localizaram o homem. Ao consultar a placa do Fiat Uno, descobri-se se tratar de um veículo furtado ou roubado.

Os dois agentes penitenciários que atiraram foram presos em flagrante por disparo de arma de fogo em via pública, e as pistolas utilizadas por eles foram apreendidas. Os profissionais foram encaminhados para a 1ª Delegacia Regional de Polícia Civil, onde seriam ouvidos pelo delegado de plantão até o final da noite desta segunda.

A assessoria de comunicação da Secretaria de Defesa Social (Seds) informou que o caso será encaminhado à corregedoria da pasta, que deverá abrir um procedimento de investigação, para verificar se houve excessos e apurar responsabilidades. 

Publicidade

Publicidade

Mais comentários

Ainda não é assinante?

Compartilhe

Publicidade

Encontre um tema na

Pesquisa

Edição impressa

Enquete

Você é a favor da adoção de medidas, como tarifas diferenciadas e descontos, para estimular a redução do consumo de água?