Publicidade

09 de Julho de 2014 - 12:35

Por Tribuna

Compartilhar
 
Durante buscas na residência, foram encontradas várias porções de crack e cocaína
Durante buscas na residência, foram encontradas várias porções de crack e cocaína

Uma ocorrência de violência doméstica resultou na apreensão de quase meio quilo de crack e cocaína, na manhã desta quarta-feira (9), durante ação conjunta das polícias Civil e Militar no Bairro Vila Esperança II, Zona Norte de Juiz de Fora. O suspeito de envolvimento nos crimes de lesão corporal e tráfico de drogas é um homem de 27 anos, que acabou preso ainda durante a madrugada, quando a mulher, 24, foi ferida. Ela relatou à PM que o ex-companheiro, inconformado com o fim do relacionamento, invadiu sua casa e a agrediu com socos e chutes. A vítima ainda conseguiu escapar e correr para a residência de sua mãe, mas o suspeito também entrou no local após arrombar a porta. Desta vez, ele estava armado com faca e desferiu um golpe contra a testa da mulher, que ainda foi empurrada contra o chão.

Além do corte na testa, a vítima sofreu ferimentos no rosto e braço, sendo medicada na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) Norte. O homem também apresentava escoriações e foi atendido no local. Durante o desenrolar da ocorrência na 1ª Delegacia Regional de Polícia Civil, a equipe de plantão recebeu informações de que o suspeito estaria guardando entorpecentes em sua casa na Vila Esperança II. Os policiais civis solicitaram apoio da 3ª Delegacia e da 173ª Companhia da PM e seguiram para o local. Durante buscas na residência, foram encontradas várias porções de crack e cocaína escondidas dentro de uma mochila, totalizando cerca de 400g. Também foram apreendidos celular e balança de precisão. A suspeita da polícia é de que a droga estava sendo guardada para outra pessoa.

Publicidade

Publicidade

Mais comentários

Ainda não é assinante?

Compartilhe

Publicidade

Encontre um tema na

Pesquisa

Edição impressa

Enquete

Você concorda com a proibição de trote nas ruas de JF, como prevê projeto aprovado na Câmara?