Publicidade

28 de Fevereiro de 2014 - 15:34

Militares estarão distribuídos na entrada e na saída do desfile e infiltrados na multidão para garantir a segurança dos foliões

Por Tribuna

Compartilhar
 

Cerca de 350 policiais militares farão a segurança do desfile da Banda Daki, marcado para ocorrer neste sábado (1), no Centro, onde são esperados cerca de 40 mil foliões. De acordo com a corporação, os policiais empenhados irão trabalhar diretamente no evento, nas ruas adjacentes e nos principais corredores de acesso. Neste ano, também será lançado maior número de militares em motocicleta no entorno do desfile, e policiais à paisana vão estar infiltrados entre os foliões. A Guarda Municipal estará presente com 43 homens e mulheres, que vão atuar em prevenção ostensiva nas praças públicas, além de apoiar agentes de trânsito e fiscais de posturas.

Assim como nos anos anteriores, barreiras e blitze serão montadas pela PM nas principais vias de acesso ao desfile, nas regiões Sul, Norte e Cidade Alta. O objetivo é frear a entrada de infratores na festa. "Iremos abordar ônibus, carros e pessoas a pé. Desta forma, já fazemos uma triagem. Vamos realizar a mesma operação na saída do evento, onde costumam ocorrer depredações e encontros de grupos rivais", afirmou o assessor organizacional do 27º Batalhão, capitão Jean Michel do Amaral, acrescentando que a maior preocupação da corporação é a entrada de armas de fogo do evento.

Serão instalados gradis nos cruzamentos da Avenida Rio Branco, além de toda a extensão do Parque Halfeld e do Largo do Riachuelo. Segundo o assessor organizacional do 2º Batalhão, tenente José Augusto Viana, os foliões serão revistados antes de acessarem o evento. "Também estamos fazendo monitoramento de gangues pelas redes sociais. Até agora, não foram marcados embates", disse o oficial.

A PM também terá atenção especial com as ruas adjacentes. "Aqueles que forem barrados podem se deslocar para ruas próximas e nestes locais ocorrerem confrontos graves", destacou capitão Jean. Além da equipe em motos, a pé e a cavalo, uma grua irá erguer um policial em uma gaiola. Do alto, o militar, munido com binóculo e câmera, irá filmar a movimentação.

Guarda Municipal

De acordo com informações da Secretaria de Administração e Recursos Humanos, o trabalho da guarda será voltado para a proteção dos bens, serviços e instalações do município. Haverá guardas municipais nos postos fixos no Parque Halfeld, na Praça do Riachuelo e no Espaço Cidadão Centro. Uma equipe móvel fará ponto-base nas imediações da concentração e dará suporte aos demais postos, assim como à equipe de motopatrulhamento.

Segundo a Secretaria de Comunicação, fiscais de posturas, junto com a Guarda Municipal, vão atuar de forma preventiva, atentando para o cumprimento das regras para o comércio ambulante. Haverá também orientação sobre a proibição de comercialização e consumo de bebidas acondicionadas em garrafas de vidros e a venda de "chup-chup", "sacolé", mistura de suco com bebida alcoólica, produtos de origem duvidosa. Segundo Secretaria de Comunicação, os vendedores ambulantes que estiverem com carrinhos, carretas, pranchas ou similares só poderão circular nas laterais da Avenida Rio Branco. Quem desrespeitar a regra estará sujeito a ter seus produtos apreendidos.

Publicidade

Publicidade

Mais comentários

Ainda não é assinante?

Compartilhe

Publicidade

Encontre um tema na

Pesquisa

Edição impressa

Enquete

Você já presenciou manifestações de intolerância religiosa?