Publicidade

21 de Fevereiro de 2014 - 04:00

Por Tribuna

Compartilhar
 
Trabalho de despoluição do Paraibuna foi realizado nesta quinta, na altura do Costa Carvalho
Trabalho de despoluição do Paraibuna foi realizado nesta quinta, na altura do Costa Carvalho

Os trabalhos de despoluição do Rio Paraibuna, realizados atualmente na altura do Bairro de Lourdes, região Sudeste, estão na fase de implantação dos interceptores de esgoto. No entanto, a Cesama fez nesta quinta-feira (20), na Avenida Brasil, altura do número 1.000, no Bairro Costa Carvalho, serviços topográficos e de locação para o levantamento de dados da área, como relevo e curvas de nível. O local também receberá, posteriormente, os interceptores.

A rede interceptora tem como objetivo canalizar o esgoto produzido na área central e em alguns córregos e levá-lo para uma estação de tratamento de esgoto (ETE), que está sendo construída no Bairro Granjas Bethel, região Sudeste. Para a realização do levantamento, a avenida teve meia pista interditada, deixando o trânsito lento no local. A obra foi retomada pela atual gestão em julho do ano passado. A Cesama informou que, em até dois anos, Juiz de Fora terá potencial para tratar até 90% do esgoto que hoje é despejado no Rio Paraibuna.

Publicidade

Publicidade

Mais comentários

Ainda não é assinante?

Compartilhe

Publicidade

Encontre um tema na

Pesquisa

Edição impressa

Enquete

Você confia nas pesquisas eleitorais?