Publicidade

28 de Janeiro de 2014 - 07:00

Por Tribuna

Compartilhar
 

Permanece sem identificação no IML de Juiz de Fora o corpo de um homem encontrado com duas perfurações de arma de fogo no rosto, no Bairro Nossa Senhora de Fátima, na Cidade Alta, no último dia 24. Segundo o boletim de ocorrência, a vítima, que aparentava ter 30 anos, estava com uma sacola presa com fita crepe na cabeça e com as pernas e os braços amarrados. O corpo é de um homem branco, com 1,70 metro de altura, cabelos encaracolados e castanhos na altura dos ombro e com cerca de 65 quilos. A vítima trajava blusa em tons de cinza e preto e bermuda branca com detalhes florais verdes.

Também continua sem identificação o corpo localizado no Rio Paraibuna, na tarde da última quarta-feira. Ele foi achado sem camisa e usando bermuda verde. O homem é alto e magro, tem barba, bigode e cavanhaque, os cabelos são claros e cacheados. A suspeita é de que a vítima tenha aproximadamente 50 anos. O corpo foi visto por um carroceiro boiando, preso à vegetação, na margem esquerda do curso d'água, na altura da ponte da Rua Halfeld.

Publicidade

Publicidade

Mais comentários

Ainda não é assinante?

Compartilhe

Publicidade

Encontre um tema na

Pesquisa

Edição impressa

Enquete

Você acha que o Rio vai conseguir controlar a violência até a Copa do Mundo?