Publicidade

08 de Maio de 2014 - 07:00

Por Tribuna

Compartilhar
 
Fogão e máquina de lavar foram colocados no passeio na Rua Severino Belfort, no Bairu
Fogão e máquina de lavar foram colocados no passeio na Rua Severino Belfort, no Bairu

Criados com o objetivo de evitar o acúmulo de objetos que possam armazenar água e servir como criadouro do mosquito Aedes aegypti, os mutirões contra a dengue estão esbarrando em um problema recorrente: o descarte irregular de móveis e eletrodomésticos. Conforme o Demlurb, este tipo de material não é o foco das operações de cerco à doença e não deve ser colocado nas calçadas nos dias programados para os mutirões.

A Tribuna flagrou esse problema na Rua Severino Belfort, no Bairu, onde um fogão, uma máquina de lavar roupas e um monitor de computador, entre outros materiais, estavam dispostos nos passeios. O bairro, localizado na região Leste, está entre os que recebem o mutirão nesta semana.

A orientação da Prefeitura é para que, durante a ação, a população descarte objetos como pneus inservíveis, garrafas PET, bacias, copos descartáveis, latas vazias, pratos de vasos, copos, vidros, caixa d'água e piscinas plásticas.

O Demlurb ressalta que o recolhimento de sofás e eletrodomésticos deve ser previamente agendado pelo telefone 3690-3500. A informação é de que o serviço foi ampliado no começo de 2013, com aumento nas equipes direcionadas ao trabalho. Em média, são registradas 15 solicitações por semana, e o prazo para recolhimento é de até cinco dias. Os objetos recicláveis são encaminhados para entidades credenciadas: Associação dos Catadores de Papéis e Resíduos Sólidos de Juiz de Fora (Apares) e Associação Municipal dos Catadores de Materiais Recicláveis e Reaproveitáveis de Juiz de Fora (Ascajuf). Os demais são levados diretamente para o Centro de Tratamento de Resíduos, em Dias Tavares.

Publicidade

Publicidade

Mais comentários

Ainda não é assinante?

Compartilhe

Publicidade

Encontre um tema na

Pesquisa

Edição impressa

Enquete

Você leva em consideração a escolaridade do candidato na hora de votar?