Publicidade

22 de Abril de 2014 - 10:42

Por Tribuna

Compartilhar
 

Duas pessoas foram assassinadas a tiros em Juiz de Fora na noite desta segunda-feira (21). Os crimes aconteceram em um intervalo inferior a meia hora na Vila Olavo Costa, Zona Sudeste, e no São Judas Tadeu, região Norte. O primeiro caso foi registrado às 21h45, quando Isaias Aparecido Matos, 31 anos, foi morto em via pública na frente da própria mãe, 57, e de uma irmã, 38. Segundo informações da Polícia Militar, os suspeitos do homicídio são dois irmãos, de 18 e 26 anos. Isaias já estaria sofrendo ameaças de morte e teria temido a aproximação deles em um carro, que subiu a Rua Jacinto Marcelino. Ao tentar correr para casa, ele foi surpreendido por cinco disparos na Rua G e alvejado, sofrendo perfurações no tórax e na região da clavícula. A vítima não resistiu aos ferimentos e morreu o local.

A irmã de Isaias ainda teria gritado para o criminoso parar de atirar, mas ele teria continuado e ainda disparado na direção da mulher, que não foi atingida. O óbito do morador foi confirmado pelo Samu, e peritos da Polícia Civil realizaram os levantamentos de praxe. Militares fizeram rastreamento em busca do atirador e do jovem que teria dado cobertura ao crime, mas nenhum deles foi encontrado. Ainda conforme a PM, a suspeita é de que o assassinato esteja ligado a motivações passionais. O corpo foi encaminhado para necropsia no Instituto Médico Legal (IML).

Já no São Judas, Douglas Pereira Filho, 22, foi encontrado morto, por volta das 22h, no meio de um escadão na Rua José Paulino Sobrinho. Segundo o boletim de ocorrência, ele apresentava duas perfurações no rosto, duas na nuca, uma nas costas e outra na mão. Policiais militares registraram a ocorrência, mas não encontraram pessoas que pudessem relatar como aconteceu o homicídio. O óbito foi confirmado pelo Samu, e o corpo foi levado para o IML após os trabalhos periciais. O caso será investigado pela Polícia Civil.

Publicidade

Publicidade

Mais comentários

Ainda não é assinante?

Compartilhe

Publicidade

Encontre um tema na

Pesquisa

Edição impressa

Enquete

Você está evitando contrair dívidas maiores em função da situação econômica do país?