Publicidade

14 de Março de 2014 - 14:54

Por Tribuna

Compartilhar
 
Oficina foi inaugurada na manhã desta sexta
Oficina foi inaugurada na manhã desta sexta

Um galpão de costura que vai empregar, inicialmente, 50 detentos foi inaugurado na manhã desta sexta-feira (14) no Ceresp, no Bairro Linhares, Zona Leste de Juiz de Fora. Durante a solenidade, o diretor da unidade, Giovane de Moraes Gomes, recebeu autoridades ligadas à segurança pública e aos poderes Executivo, Legislativo e Judiciário da cidade. O deputado estadual Lafayette Andrada, ex-secretário de Estado de Defesa Social, também esteve no evento, que contou com homenagens a alguns dos presentes. De acordo com a direção do Ceresp, o galpão, com cerca de 150 metros quadrados, foi construído por meio de parceria público-privada com a Cooperativa de Costura Ebenézer de Avelar. A edificação foi feita exclusivamente com a mão de obra de presos, sendo gastos R$ 120 mil em materiais. Para a presidente da Comissão de Direitos Humanos da Subseção da OAB de Juiz de Fora, Elvia Rocha, a iniciativa é muito válida. "É uma forma de ressocializar o preso, oferecendo oportunidade de trabalho." Cerca de cem detentos do Ceresp já trabalhavam em duas malharias, uma fábrica de blocos e outra de embalagem plástica.

Publicidade

Publicidade

Mais comentários

Ainda não é assinante?

Compartilhe

Publicidade

Encontre um tema na

Pesquisa

Edição impressa

Enquete

Você acha que a Justiça agiu corretamente ao permitir, por habeas-corpus, a soltura dos ativistas presos durante a Copa?