Publicidade

19 de Fevereiro de 2014 - 06:00

Por Tribuna

Compartilhar
 

A poucos dias do início das festividades de Momo, que em Juiz de Fora foram antecipadas e acontecem a partir da próxima quinta-feira (20), a Prefeitura decretou a proibição da venda e do consumo de bebidas acondicionadas em garrafas de vidro durante os eventos de 2014. A medida é válida não só para os desfiles das escolas de samba, nos dias 22 e 23, mas durante todos os eventos carnavalescos. Conforme o Executivo, os objetivos são manter a segurança pública, incentivar e valorizar a cultura popular da cidade.

Além dos vendedores ambulantes, o decreto atinge bares localizados no entorno de locais onde ocorrerão desfiles, festas carnavalescas e blocos. Os foliões também estão proibidos de consumir bebidas em garrafas de vidro. O descumprimento da determinação pode acarretar na aplicação de multa, com gravidade média, conforme disposto no Código de Posturas do Município. Durante as festividades, fiscais de postura estarão nas ruas para vistorias, podendo solicitar o apoio policial para garantir a segurança e a ordem pública.

Segundo a chefe do Departamento de Fiscalização da Secretaria de Atividades Urbanas (SAU), Graciela Marques, a determinação é adotada pela Prefeitura há, pelo menos, quatro anos e, desde então, tem contribuído para a segurança dos eventos. "A medida tem surtido o efeito desejado. Muitos proprietários de bares procuram dar preferência às bebidas vendidas em latas, pois sabem que isso implicará não só na segurança de pessoas, mas do seu próprio estabelecimento."

Publicidade

Publicidade

Mais comentários

Ainda não é assinante?

Compartilhe

Publicidade

Encontre um tema na

Pesquisa

Edição impressa

Enquete

Você é a favor da proibição de rodeios em JF, conforme prevê projeto em tramitação na Câmara?