Publicidade

05 de Fevereiro de 2014 - 15:46

Por Tribuna

Compartilhar
 
PM localizou ainda duas armas de fogo e munições com os suspeitos
PM localizou ainda duas armas de fogo e munições com os suspeitos

Atualizada às 19h15

Um jovem de 19 anos teve sua moto roubada por quatro homens, que o agrediram com socos, chutes e coronhada e ainda efetuaram disparos de arma de fogo. O crime aconteceu na noite de terça-feira (4), no Bairro Jardim Gaúcho, Zona Sul. Conforme o registro policial, os suspeitos seriam integrantes do "Bonde dos malditos", e estariam envolvidos em uma briga entre grupos rivais no último dia 29, quando um jovem foi arrastado por um carro e duas motos foram incendiadas. 

Segundo a PM, a vítima teria abordado policias da Patrulha de Prevenção a Homicídios, e afirmado que sua moto, uma CB 300, fora roubada. O rapaz contou que teria comprado um som de um dos suspeitos, 26, e ido até a casa dele para informá-lo que iria fazer o pagamento. Enquanto conversavam, outros três rapazes, com idades entre 18 e 20 anos, um deles armado de revólver, teriam rendido o jovem e ordenado que deixasse a moto no local. Durante as agressões, a vítima sofreu um corte no supercílio e teve um dedo da mão esquerda quebrado. O grupo fugiu em seguida, o homem com quem a vítima conversava evadiu dirigindo a motocicleta. 

O sargento Rômulo Segantini, que conduziu a ocorrência, informou que 12 militares em quatro viaturas foram empenhados nas buscas. O suspeito que conduzia a moto foi localizado, abandonou o veículo e se embrenhou em um pasto. Houve perseguição, e o suspeito foi localizado em um beco no bairro, com uma adolescente, 14, e um jovem, 18.  

Em seguida, os policias se deslocaram até a casa da mãe do homem mais velho, também no Jardim Gaúcho. No local, foram localizadas três munições de calibre 38 em uma mochila e um cartucho do mesmo calibre vazio. "Na cobertura do imóvel encontramos ainda dois revólveres, um calibre 32, carregado com seis munições, e outro calibre 38". De acordo com o policial, outros dois rapazes, ambos de 20 anos, também foram presos, reconhecidos pela vítima e conduzidos para a delegacia junto com os outros três suspeitos. O jovem de 18 anos e a adolescente foram ouvidos e liberados. Os outros três detidos foram encaminhados ao Ceresp. O quarto homem, 18, que teria participado do crime continuava foragido até o fechamento da edição. 

Publicidade

Publicidade

Mais comentários

Ainda não é assinante?

Compartilhe

Publicidade

Encontre um tema na

Pesquisa

Edição impressa

Enquete

Você acha que o Governo federal deve refinanciar as dívidas dos clubes de futebol?