Publicidade

20 de Janeiro de 2014 - 12:27

Por Tribuna

Compartilhar
 

Dois jovens, 19 e 22 anos, procuraram a polícia após supostamente terem sido agredidos por dois seguranças, ambos de 25 anos, de uma casa de eventos, no Bairro Benfica, Zona Norte de Juiz de Fora, na madrugada deste domingo (19). As vítimas relataram aos policiais que um amigo se envolveu em uma briga durante uma festa e foi colocado para fora do local. Os jovens alegam que teriam pedido aos seguranças para deixarem o colega dentro da casa, mas os homens teriam começado a agredi-los. A agressão teria continuado do lado de fora, e um dos suspeitos teria, inclusive, dado um tiro para cima. O jovem de 22 anos contou ainda que levou uma coronhada, a qual causou um corte em sua nuca. Já o agredido de 19 anos relatou que, enquanto era agredido, sentiu uma mão no seu pescoço, que teria levado um cordão de prata e um escapulário. Uma outra mão teria ainda arrancado uma pulseira também de prata de seu punho. Entretanto, o rapaz não soube informar quem teria levado esses objetos, nem se foi intencional.

Os militares seguiram para a casa de eventos, onde o chefe de segurança do local teria afirmado que nenhum do funcionários trabalha armado. Ele teria dito que as vítimas foram retiradas da festa pois estavam "causando tumulto", mas não houve agressão, acrescentando que a existência de qualquer ferimento deveria ter sido causado por algum tumulto no interior do local. Todos os envolvidos foram encaminhados para a delegacia para prestar depoimento. O ferido foi levado para o HPS, onde, segundo o boletim de ocorrência, foi diagnosticado com corte contuso na nuca e ferimentos nas costas.

Publicidade

Publicidade

Mais comentários

Ainda não é assinante?

Compartilhe

Publicidade

Encontre um tema na

Pesquisa

Edição impressa

Enquete

Você concorda com a multa para o consumidor que desperdiçar água, conforme anunciou o Governo de São Paulo?