Publicidade

07 de Abril de 2014 - 10:16

Por Tribuna

Compartilhar
 
Confusão reuniu curiosos e deixou tráfego confuso
Confusão reuniu curiosos e deixou tráfego confuso

Atualizada às 15h31

Três ocupantes de um Toyota Corolla foram detidos em flagrante na manhã desta segunda-feira (7) por suspeita de agredirem um caminhoneiro, 53 anos, depois de um acidente na Avenida Brasil, entre as pontes das ruas Halfeld e Benjamin Constant. A confusão atraiu a atenção de curiosos e deixou o tráfego lento na via. De acordo com informações do boletim de ocorrência da Polícia Militar, a vítima contou que conduzia seu caminhão-baú Mercedes-Benz, sentido Centro/Zona Norte e, ao arrancar durante a abertura do semáforo no entroncamento com a Halfeld, o Corolla teria tentado forçar uma passagem pela direita. Logo em seguida, um passageiro do Toyota teria aberto a porta traseira, do lado do motorista, e houve o choque entre os dois veículos. 

  Ainda conforme o registro policial, após o acidente, os três homens, de 28, 40 e 53 anos, teriam desembarcado do carro e invadido a cabine do caminhão, agredindo a vítima com socos e a agarrando pelo pescoço. O motorista sofreu lesões na face e região lombar. O suspeito mais jovem, que conduzia o Corolla, relatou à PM que havia dado partida junto com o caminhão, e que os dois veículos haviam colidido, mas o caminhoneiro não teria parado. Em seguida, ele teria emparelhado o Toyota com o Mercedes-Benz, e o carona aberto a porta para tentar falar com o motorista, mas ele teria continuado seguindo seu trajeto. O suspeito alegou também que eles pretendiam retirar a chave do veículo e impedir que o caminhoneiro fugisse, mas afirmou terem sido recebidos a chutes e, por isso, usado de força física para contê-lo. 

  Momentos após ser agredido, o condutor desabafou: "Se eu não tivesse pedido socorro, tinham me matado. Eu travei a porta, mas dois deles entraram pela janela da cabine. Vieram me dando soco e tentando me enforcar." O Samu foi acionado, e a vítima recebeu atendimento no local, mas dispensou ser encaminhada a um hospital. Ela seguiu para a delegacia, onde seria submetida a exame de corpo de delito. O trio suspeito recebeu voz de prisão em flagrante por lesão corporal e foi apresentado ao plantão da Polícia Civil. 

Publicidade

Publicidade

Mais comentários

Ainda não é assinante?

Compartilhe

Publicidade

Encontre um tema na

Pesquisa

Edição impressa

Enquete

Você acha que alertas em cardápios e panfletos de festas sobre os riscos de dirigir sob efeito de álcool contribuem para reduzir o consumo de bebidas por motoristas?