Publicidade

03 de Maio de 2014 - 16:15

Por Tribuna

Compartilhar
 

Cerca de 800 mídias de computador com gravações ilegais foram apreendidas pela Polícia Militar, na manhã deste sábado (3), no Centro de Juiz de Fora. O material estava em um veículo Corsa, cor prata, na Avenida Getúlio Vargas. Uma mulher, de 22 anos, que seria a proprietária do material, foi detida. De acordo com a boletim de ocorrência da PM, há alguns dias, a corporação recebeu a denúncia de que um automóvel, modelo Corsa, estaria transportando mídias piratas pelas ruas da região central. Ontem, durante patrulhamento, os policiais localizaram o veículo estacionado. Eles aguardaram por algum tempo, até a que suspeita apareceu e abriu o carro.

Neste momento, foi feita a abordagem da mulher e uma averiguação no interior do Corsa, onde as mídias foram localizadas. A suspeita alegou que o carro e todo o material pertenciam ao marido dela, que não foi encontrado. Ainda segundo informações do documento policial, ela, junto com o marido, seriam responsáveis por aliciar adolescentes para a venda de mídia ilegal.

O casal, conforme a PM, agia estacionando o carro em um ponto estratégico e afastado dos pontos de venda e utilizava os adolescentes para transportar o material em mochilas, fazendo a ponte entre o veículo e as bancas onde as mídias eram vendidas. Durante todo o registro da ocorrência, a mulher manteve contato telefônico com o marido, que alegou que não iria comparecer ao local do flagrante. O Corsa foi removido, e a suspeita foi encaminhada para a Delegacia de Polícia Civil, em Santa Terezinha.

Publicidade

Publicidade

Mais comentários

Ainda não é assinante?

Compartilhe

Publicidade

Encontre um tema na

Pesquisa

Edição impressa

Enquete

Você é a favor de fechamento de pista em trecho da Avenida Rio Branco para ciclovia nos fins de semana?