Publicidade

14 de Dezembro de 2013 - 17:43

Atropelamento aconteceu na passagem de nível próximo à Praça Agassis, no Mariano Procópio

Por Tribuna

Compartilhar
 
Composição férrea ficou parada por cerca de meia hora
Composição férrea ficou parada por cerca de meia hora

Mônica Fernandes Ribeiro, 47 anos, morreu neste sábado (14) após ser atropelada por um trem próximo à passagem de nível localizada na Praça Agassis, no Bairro Mariano Procópio. O acidente aconteceu por volta das 10h30. O óbito da vítima foi confirmado no local pela equipe do Samu.

A composição ficou parada por cerca de meia hora, impedindo o fluxo de carros e pedestres também na passagem de nível da Rua Benjamin Constant, no Centro. Por volta das 11h, o tráfego foi liberado, e aguardava-se a perícia para liberar o corpo para o Instituto Médico Legal (IML).

A MRS Logística, por meio de sua assessoria, afirma que os procedimentos de segurança estavam funcionando corretamente, com tráfego dentro da velocidade, luzes acesas e sino acionado. "Não houve problema técnico ou mecânico", destacou a empresa. A informação é que o maquinista, ao avistar a mulher, acionou a emergência, mas não foi possível evitar o atropelamento.

 

 

 

Publicidade

Publicidade

Mais comentários

Ainda não é assinante?

Compartilhe

Publicidade

Encontre um tema na

Pesquisa

Edição impressa

Enquete

Você acha que o Rio vai conseguir controlar a violência até a Copa do Mundo?