Publicidade

25 de Janeiro de 2014 - 17:59

Por Tribuna

Compartilhar
 

Fãs do Chiclete com Banana continuam sem saber se a banda baiana retornará à cidade para nova apresentação, já que o show marcado para a última sexta-feira não aconteceu. Segundo Sílvio Lopes, um dos responsáveis pelo evento em Juiz de Fora, a produção local espera a realização de uma reunião marcada para esta semana em Salvador (BA) para decidir quanto ao possível agendamento de nova data. "Por enquanto, não vamos devolver o dinheiro do público. Vamos esperar uma decisão para ver de quem é o erro. O dinheiro já havia sido depositado para o grupo", comenta Sílvio.

O superintendente do Procon, Nilson Ferreira Neto, afirmou que, independentemente de haver novo show, quem se sentir lesado tem o direito de pedir a restituição do valor pago, incluindo o gasto com despesas eventuais. "Se o consumidor não se interessar mais em comparecer ao show, tem direito de pedir a restituição imediata. Qualquer eventual prejuízo que ele tenha sofrido, como, por exemplo, ter se deslocado de outra cidade, a produção tem que pagar o transporte." O superintendente também informa que, embora não exista um tempo determinado para a resolução de casos como este, o prazo de 48 horas é razoável para que os responsáveis falem sobre as medidas a serem tomadas. "O fato que ocorreu na cidade não caracteriza como um caso fortuito e de força maior. É obrigação de quem organiza um evento deste porte se assegurar, com antecedência, de que o espaço guarda todas as condições para a sua realização", completa.

A apresentação de despedida de Bell Marques, prevista para a noite de sexta, no Parque de Exposições, foi interditada, pelo Corpo de Bombeiros, a poucas horas da abertura dos portões. De acordo com o 4º Batalhão do Bombeiro Militar, a estrutura montada estava em desacordo com a Lei 14.130 de 19 de dezembro de 2001, que dispõe sobre a prevenção e o combate a incêndio e pânico em espaços destinados a uso coletivo. A assessoria de comunicação da Secretaria de Agricultura e Abastecimento assegurou que o local passou por reformas em 2013, estando apto para receber eventos. Ontem a Tribuna tentou fazer contatos com a produção da banda, em Salvador, mas não conseguiu.

Por meio de nota publicada no Facebook, o grupo garantiu que esteve na cidade conforme programado. "Toda produção mais montagem de instrumentos já tinha sido concluída pela equipe técnica do Chiclete com Banana. O jato com os integrantes da banda pousou em Juiz de Fora às 18h30, permanecendo no aeroporto até a confirmação final dos organizadores." De acordo com Sílvio Lopes, a produção local possui toda a documentação que comprova que o espaço tinha condições de sediar o show.

Publicidade

Publicidade

Mais comentários

Ainda não é assinante?

Compartilhe

Publicidade

Encontre um tema na

Pesquisa

Edição impressa

Enquete

Você é a favor da proibição de rodeios em JF, conforme prevê projeto em tramitação na Câmara?