Publicidade

30 de Abril de 2014 - 11:05

Por Tribuna

Compartilhar
 
Materiais estavam com 3 homens, que foram presos
Materiais estavam com 3 homens, que foram presos

Uma ação policial envolvendo militares da Rotam resultou na prisão de três homens e apreensão de arma, munições e drogas, na noite desta terça-feira (29), na praça do Bairro Nova Era, Zona Norte de Juiz de Fora. Durante a manobra "Cia Força Tática", policiais receberam informações de populares que no local estaria frequentemente sendo realizado comércio de entorpecentes, inclusive com a presença de pessoas armadas. Durante monitoramento no espaço público, a PM identificou um suspeito portando mochila. Ao ser abordado, o rapaz de 19 anos foi flagrado com uma carabina calibre 22, carregada com oito munições, outros 18 cartuchos intactos e 11 papelotes de cocaína, além de uma touca ninja. Ainda conforme o registro policial, ao ser questionado, o jovem confirmou que realizava o tráfico há cerca de um mês, desde que estava em liberdade condicional pelo crime de homicídio. Mais dois jovens, ambos de 20 anos, também foram detidos no local com duas buchas de maconha. Os suspeitos foram levados para a 1ª Delegacia Regional de Polícia Civil, em Santa Terezinha.

Na mesma noite, cem papelotes de cocaína e seis pedras de crack foram apreendidos na Vila Ideal, Zona Sudeste. Segundo a PM, parte do entorpecente foi achada em poder de um adolescente, 16, que estava em atitude suspeita em um escadão que liga as ruas José Monteiro e Vera Consuelo Nascimento. O restante estava em uma casa próxima. Também foram recolhidos dois celulares, R$ 39 e materiais para embalar drogas. O morador da residência, 33, não foi localizado, mas o jovem confirmou aos policiais que recebia dinheiro dele para realizar a venda das substâncias entre 6h e 20h. O adolescente foi apreendido e apresentado na delegacia junto com um responsável.

Publicidade

Publicidade

Mais comentários

Ainda não é assinante?

Compartilhe

Publicidade

Encontre um tema na

Pesquisa

Edição impressa

Enquete

Você acha que o Governo federal deve refinanciar as dívidas dos clubes de futebol?