Publicidade

28 de Janeiro de 2014 - 14:23

Estrutura, em frente ao Terreirão do Samba, foi inaugurada nesta terça-feira (28), e tráfego fluiu normalmente durante o dia

Por Nathália Carvalho

Compartilhar
 
Tráfego fluiu normalmente durante esta terça-feira
Tráfego fluiu normalmente durante esta terça-feira
Ponte foi liberada e já faz parte do sistema viário da cidade
Ponte foi liberada e já faz parte do sistema viário da cidade
O prefeito, ao lado de Margarida Salomão, Julio Gasparette e Alexandre Jabour
O prefeito, ao lado de Margarida Salomão, Julio Gasparette e Alexandre Jabour

Atualizada às 19h23

Após 13 meses de trabalho, já está em operação a Ponte Wilson Coury Jabour Júnior na Avenida Brasil, a primeira de uma série de obras previstas para melhorar o trânsito na cidade. Com 44 metros de extensão e pesando 190 toneladas, a estrutura, localizada em frente ao Terreirão do Samba, foi inaugurada oficialmente pelo prefeito Bruno Siqueira (PMDB), na manhã desta terça-feira (28). Durante o dia, o tráfego fluiu normalmente na região. O principal objetivo da ponte é oferecer um novo acesso aos bairros da Região Leste e desafogar o trânsito da região central. Durante a cerimônia, estiveram presentes membros da família de Wilson Jabour, além de autoridades municipais, policiais, membros da MRS Logística e a deputada federal Margarida Salomão (PT).

Na solenidade, Bruno Siqueira explicou que atua na liberação de recursos para o término das obras viárias. "Estamos trabalhando obra a obra porque o recurso está vindo de forma parcelada." Além disso, ele lembrou de outras intervenções que estão sendo executadas, como a conclusão dos trabalhos de contenção de encosta no Bairro Santa Tereza, as obras de despoluição do Rio Paraibuna, além de outras melhorias nas áreas da saúde e educação. Também na solenidade, o chefe do Executivo pediu um minuto de silêncio em virtude da morte do presidente da Câmara de Dirigentes Lojistas de Juiz de Fora (CDL/JF), Vandir Domingos, assassinado na manhã da segunda-feira.

O assessor de Gabinete do prefeito e irmão do homenageado, Alexandre Jabour, ressaltou a importância do legado deixado por Wilson, que foi procurador do Município e integrante do Conselho Municipal de Preservação do Patrimônio Cultural (Comppac). "É um momento de grande honra para nossa família. A construção foi erguida no coração da cidade, próximo ao prédio da Prefeitura, onde meu irmão trabalhou por décadas." Já o diretor de relações institucionais da MRS Logística, Luiz Gustavo Bambini, destacou a importância da obra na tentativa de eliminar a interferência da linha férrea no trânsito da cidade. "A MRS já investiu R$ 2,5 milhões e espera a liberação das obras para oferecer mais recursos."

 

Feira de domingo

Com a inauguração da ponte, a feira de domingo da Avenida Brasil vai passar por modificações a partir do próximo domingo. Segundo a assessoria da PJF, as 22 primeiras barracas, localizadas entre a Rua Benjamin Constant e a nova ponte, serão deslocadas para o lado contrário da feira, extremidade que fica próxima à ponte da Rua Halfeld. As demais barracas manterão seus lugares habituais.

 

Obras

Para a construção da ponte, foram investidos cerca de R$ 6 milhões. Com a mudança, a circulação na nova estrutura e na ponte da Rua Benjamin Constant será feita em mão única, sendo a primeira no sentido Centro/bairro, e a segunda no sentido inverso. A operação da Avenida Garibaldi Campinhos também será em mão única, no sentido Vitorino Braga. Todas as vias terão três faixas de rolamento. Já a Avenida Brasil continuará operando normalmente, em mão dupla na margem esquerda e em mão única na direita. 

Apesar da estrutura fazer parte do sistema binário da avenida, o processo ainda não está operando plenamente. De acordo com o secretário de Obras, Amaury Couri, o funcionamento completo depende da inauguração das outras obras viárias que contemplam o projeto. Na semana passada, segundo a assessoria da Secretaria de Obras, foram retomados os trabalhos de construção da ponte localizada em frente ao Tupynambás, no Bairro Santa Tereza, estrutura que também integra o binário. De acordo com o prefeito, o equipamento deverá ser entregue ainda neste semestre. Logo em seguida, serão iniciadas as construções da trincheira na Avenida Francisco Bernardino e do Viaduto do Bairro Poço Rico, obras que deverão ser concluídas em até dez meses e que já possuem recursos garantidos.

Publicidade

Publicidade

Mais comentários

Ainda não é assinante?

Compartilhe

Publicidade

Encontre um tema na

Pesquisa

Edição impressa

Enquete

Você já presenciou manifestações de intolerância religiosa?