Publicidade

16 de Janeiro de 2014 - 20:15

Por Tribuna

Compartilhar
 

Cinco homens suspeitos de participação em um latrocínio (roubo seguido de morte) na cidade de Santos Dumont foram presos nesta quinta-feira (16) pela Polícia Civil daquele município. A quadrilha teria participado do crime que vitimou o comerciante Carlos Alberto Ferreira, 52, durante assalto ao restaurante da sua família, no Bairro Mantiqueira, em 27 de dezembro de 2013. De acordo com o delegado Eduardo de Azevedo Moura, responsável pelo caso, os presos, de 19, 25, 33, 44 e 48 anos, foram indiciados e conduzidos para a prisão da cidade. Além da morte do comerciante, o bando é suspeito de participação em outros três roubos a residência na região.

Carlos Alberto foi morto dentro da própria casa, anexa ao restaurante, localizado na BR-499, a cerca de dois quilômetros do Museu de Cabangu. Na época, a esposa dele relatou ter tido a residência invadida por três assaltantes encapuzados, um deles portando arma de fogo, por volta das 21h. O crime aconteceu quando a mulher, 50, jantava na cozinha. Dois dos criminosos a levaram para o quarto, enquanto o terceiro aguardou a chegada do dono da casa, fato que ocorreu após 45 minutos. Forçado a seguir para o restaurante, Carlos Alberto foi baleado no corredor do imóvel, onde morreu. Os três criminosos fugiram levando pouco mais de R$ 1 mil.

Conforme a Polícia Civil, a quadrilha monitorava a propriedade da vítima e tinha a informação de que, no dia do crime, havia grande quantidade de dinheiro no local, já que a família da vítima era produtora de queijo e iria efetuar uma grande venda naquela data.

Publicidade

Publicidade

Mais comentários

Ainda não é assinante?

Compartilhe

Publicidade

Encontre um tema na

Pesquisa

Edição impressa

Enquete

Você é a favor da liberação da maconha para uso medicinal?