Publicidade

26 de Junho de 2014 - 20:03

Condutor da carreta diz que ainda tentou desviar para não atingir moto, na qual seguiam Juda e Michelle (fotos no detalhe), que morreram na hora

Por Tribuna

Compartilhar
 

Três pessoas morreram em dois graves acidentes ocorridos nesta quinta-feira (26) em estradas da região. No final da manhã, uma mulher, 25 anos, e um jovem, 20, não resistiram à batida envolvendo a moto em que estavam e uma carreta, no km 97 da antiga Estrada União e Indústria, no trecho entre o Bairro Vila Ideal e a Pedreira Santa Mônica, Zona Sudeste de Juiz de Fora. Segundo a Polícia Militar, Juda Calebe Vicente conduzia uma moto Honda, com placa de Juiz de Fora, e Michelle de Resende Campos estava na garupa, quando houve o choque com um Volkswagen, de Guaçuí (ES), que trafegava no sentido Juiz de Fora/Matias Barbosa. A batida aconteceu em uma curva, quando a moto seguia na direção oposta.

Após o impacto, a Honda ficou presa embaixo da cabine da carreta, e o condutor ficou sob as rodas do eixo traseiro do veículo. Já a mulher foi lançada para o meio da pista. Os dois morreram na hora, e os óbitos foram confirmados pelo Samu. O motorista do Volkswagen, 34, não sofreu ferimentos, mas ficou em estado de choque após o trágico acidente e foi atendido pela equipe médica. Abalado, ele contou que ainda tentou desviar, mas não conseguiu evitar o choque. A parte frontal da carreta, que estava vazia, ficou dependurada na ribanceira às margens da rodovia.

A União e Indústria ficou interditada por mais de uma hora, provocando congestionamento em ambos os lados da estrada. Muitos motoristas decidiram voltar e fazer outras rotas para seus destinos, enquanto passageiros de ônibus que seguiam de Matias para Juiz de Fora também preferiram continuar a viagem a pé. A perícia da Polícia Civil realizou os trabalhos, e os corpos foram encaminhados ao Instituto Médico Legal (IML).

 

Na BR-267

Já no início da madrugada desta quinta-feira (26), um homem, 44, morreu e uma criança, 10, ficou ferida em acidente envolvendo um ônibus de turismo e uma caminhonete, com placa de São Paulo, no km 183 da BR-267, próximo ao município de Olaria, a cerca de 70 quilômetros de Juiz de Fora. Segundo informações da Polícia Rodoviária Federal (PRF) e do Corpo de Bombeiros, o motorista da Mitsubishi L-200, 44 anos, ficou preso às ferragens após a batida frontal. Ele não resistiu aos ferimentos e morreu no local. Um menino de 10 anos, que seria filho do condutor, foi socorrido com lesões graves. Conforme a PRF, ele teria sido levado para o HPS de Juiz de Fora, mas a assessoria da Secretaria de Saúde informou que ele não deu entrada na unidade. Segundo a assessoria do Hospital e Maternidade Therezinha de Jesus, a criança também não foi atendida no local.

Não houve feridos no coletivo, que seguia do Espírito Santo para o interior de São Paulo com 37 passageiros. Já a caminhonete trafegava na direção oposta, sentido Juiz de Fora. Bombeiros precisaram jogar serragem na pista para conter vazamento de combustível e evitar outros acidentes. A ocorrência também mobilizou unidades do Samu. Peritos da Polícia Civil realizaram os trabalhos no local, e bombeiros fizeram o desencarceramento do corpo da vítima para remoção ao IML de Juiz de Fora.

Publicidade

Publicidade

Mais comentários

Ainda não é assinante?

Compartilhe

Publicidade

Encontre um tema na

Pesquisa

Edição impressa

Enquete

Você é a favor de fechamento de pista em trecho da Avenida Rio Branco para ciclovia nos fins de semana?