Publicidade

24 de Abril de 2014 - 13:39

Por Tribuna

Compartilhar
 

Segue até o dia 30 a 1ª Jornada Universitária em Defesa da Reforma Agrária na UFJF. O evento, que também acontece em cerca de outras 50 universidades, quer incentivar o compromisso das instituições de ensino brasileiras com a questão da reforma agrária e dar visibilidade às ações desenvolvidas pelo grupo. Na programação estão debates, exibições de teatro, filmes, visitas a assentamentos e feiras da Reforma Agrária em apoio à luta no campo. Todos os interessados podem participar, e não é necessário fazer inscrição. A realização é da UFJF em parceria com o Movimento dos Trabalhadores Sem Terra (MST).

Durante a Jornada, também serão realizados o II Kizomba Namata, Encontro de Comunidades Quilombolas da Zona da Mata mineira; o III Encontro de Comunidades Negras da Zona da Mata mineira e o I Encontro do Ewè, Transição Agroecológica na Zona da Mata Mineira. Segundo uma das coordenadoras do evento, Cristina Simões Bezerra, a questão agrária envolve também outros sujeitos, como os quilombolas e os indígenas. Então, a articulação dos encontros ocorre porque discutir o acesso à terra significa discutir também os direitos destes sujeitos.

Publicidade

Publicidade

Mais comentários

Ainda não é assinante?

Compartilhe

Publicidade

Encontre um tema na

Pesquisa

Edição impressa

Enquete

Você está fazendo pesquisa de preços para controlar o orçamento?