Publicidade

08 de Julho de 2014 - 21:08

Por Kelly Diniz - Repórter

Compartilhar
 

Pareceu um sonho, mas foi real. O 7 a 1 da Alemanha sobre o Brasil realmente aconteceu. Na Praça Alfredo Toschi, no Bairro Jardim Glória, a torcida chegou animada. Os palpites eram muitos. As amigas Rafaella Evangelista, 25 anos, e Isabela Terra, 24, levaram até o "Neymar" para torcer junto. Apesar de saberem que a Alemanha seria um adversário difícil, acreditavam no 1 a 0 para o Brasil. Já Marilea Faria, que assistia ao jogo com a filha Camila, queria ver três gols do Brasil, mas aceitava levar dois da Alemanha. Gabriel Neves, 24, não deixou que o pé engessado o impedisse de ir comemorar a sonhada vitória com a galera. Mas aos poucos a confiança foi se evaporando.

Antes mesmo do apito final, a televisão foi desligada e o pagode começou. Mas retornaram a ligar a tempo de a galera assistir ao único gol do Brasil na partida e de entoar um debochado "Eu acredito!". No fim, restou para Gabriel admitir: "A Alemanha mereceu a vitória". Marilea afirmou que continuará acompanhando os jogos, apesar da eliminação do Brasil. "A Copa é uma festa muito gostosa." Já Rozi não sabia se a rua seria fechada para os próximos jogos, mas de uma coisa ela tinha certeza: "Sábado vai ter pagode."

 

Publicidade

Publicidade

Mais comentários

Ainda não é assinante?

Compartilhe

Publicidade

Encontre um tema na

Pesquisa

Edição impressa

Enquete

Você acha que a realização de blitze seria a solução para fazer cumprir a lei que proíbe jogar lixo nas ruas?