Publicidade

03 de Dezembro de 2013 - 19:03

Por Tribuna

Compartilhar
 

A Secretaria de Estado de Cultura (SEC) de Minas Gerais divulgou nesta terça-feira (3) a lista dos projetos aprovados no edital da Lei Estadual de Incentivo à Cultura, aptos à captação de recursos em 2014. Vinte e seis propostas de Juiz de Fora conseguiram parecer favorável e estão incluídas no percentual de 45% de projetos aprovados para o interior do estado, conforme previsto na legislação vigente da lei. A partir do próximo dia 16 de dezembro, as captações, que viabilizam a efetiva execução dos trabalhos, poderão ter início.

Entre as propostas locais aprovadas estão o filme "Pele", do cineasta Marcos Pimentel, que poderá arrecadar R$ 101.068 via renúncia fiscal de empresas do estado, e o XXV Festival Internacional de Música Colonial Brasileira e Música Antiga, do Pró-Música/UFJF, com possibilidade de captar até R$ 320 mil. O Lúdica Música!, tradicional grupo da cidade, também foi contemplado e poderá captar R$ 254 mil para a prensagem e turnê do disco "Mundo ludo e outras diversões". O grupo Luzes da Cidade terá a permissão de arrecadar R$ 260 mil, para a realização da edição de 2014 do Primeiro Plano - Festival de Cinema de Juiz de Fora e Mercocidades, e o conjunto Triunvirato Power Trio aprovou a captação de R$184 mil para circular pelo estado.

Em 2013, 255 empresas patrocinaram projetos aprovados pela Lei Estadual, sendo 48 delas inéditas no procedimento de mecenato. O valor da renúncia (correspondente a 0,3% da receita líquida do exercício anterior) foi alcançado na primeira quinzena de novembro desse ano. Em maio passado, a legislação reduziu os percentuais de contrapartida desembolsados para cada um dos projetos.

Publicidade

Publicidade

Mais comentários

Ainda não é assinante?

Compartilhe

Publicidade

Encontre um tema na

Pesquisa

Edição impressa

Enquete

Você é a favor da proibição de rodeios em JF, conforme prevê projeto em tramitação na Câmara?