Publicidade

10 de Junho de 2014 - 06:00

Por MARISA LOURES

Compartilhar
 

"As ideias surgem de uma folha em branco." No início do ano, dentro de uma sala de aula, professores e alunos do projeto "Gente em primeiro lugar" tinham a frase que abre essa matéria como norte para as criações que hoje e amanhã serão exibidas no Festival de Cenas Curtinhas em dois horários: às 15h e às 18h30. A quarta edição oferece 20 esquetes produzidas por 306 estudantes. "Ficou livre para cada um aproveitar as situações que aconteciam na sala. Há cenas com diálogos, outras só de corpo e outras trabalhadas com mídia digital", conta o coordenador do programa Leo Cunha.

Nada de competição. Além de poderem experimentar o friozinho na barriga de subirem em um palco de verdade e sentirem o calor dos holofotes, nesses dois dias, os atores mirins terão a oportunidade de receber os aplausos dos colegas. O endereço dos pequenos artistas são vários: Jardim Natal, Carlos Chagas, Santa Luzia, Dom Bosco, Benfica e Santa Rita. Alguns frequentam as aulas do Centro Cultural Dnar Rocha e do CCBM. "É uma possibilidade de desenvolver o teatro e também a questão do espectador, de formar plateia, pessoas que consomem arte na cidade", enfatiza Leo. Segundo o coordenador, não é raro os alunos saírem de lá com o desejo de seguir por caminhos profissionais. "Alguns que passaram por aqui já estão em outros grupos da cidade. Começaram no 'Gente em primeiro lugar' com 14 anos e, hoje, com 17, 18 anos, estão com um olhar diferente para a arte."

A iniciativa é dividida em três etapas. Em um primeiro momento, os participantes puderam conversar com atores conhecidos na cena local, para saberem que "teatro não é só decorar texto e subir ao palco". Leo, ressaltando que o processo iniciado em março envolve, também, a família do aluno. Para o fim do ano, a proposta é ampliada, tendo o estudante que mostrar habilidades em cenografia e figurino. "Agora, nosso principal objetivo é que esse menino produza no seu bairro. Já no terceiro momento, cada turma monta uma peça ou cena para ser debatida."

FESTIVAL DE

CENAS CURTINHAS

Hoje e amanhã,

às 15h e às 18h

CCBM

(Av. Getúlio Vargas 200)

Publicidade

Publicidade

Mais comentários

Ainda não é assinante?

Compartilhe

Publicidade

Encontre um tema na

Pesquisa

Edição impressa

Enquete

Você está fazendo pesquisa de preços para controlar o orçamento?