Publicidade

23 de Janeiro de 2014 - 07:00

Por Tribuna

Compartilhar
 

O ano começa, e, com ele, inicia a corrida para a ocupação das galerias e da sala de encenação do Centro Cultural Bernardo Mascarenhas. O período também é dedicado às inscrições para integrar o projeto Terças Musicais e concorrer a uma vaga para expor na Galeria Renato de Almeida do Centro Cultural Pró-Música/Universidade Federal de Juiz de Fora. No CCBM, pela primeira vez, os interessados poderão escolher uma data entre as disponíveis para todo o ano de 2014. Até 2013, a periodicidade dos pedidos era semestral. De abril a dezembro, os artistas poderão sugerir novos projetos a serem apresentados.

A ideia é abrir espaço para artistas profissionais e amadores de todo o Brasil, com objetivo de englobar todas as variedades de manifestações artísticas e culturais, como dança, teatro e exposições. Para se inscrever, basta acessar o site da Prefeitura (www.pjf.mg.gov.br) e preencher a ficha de inscrição. Toda a documentação exigida deve ser entregue no CCBM, de terça a sexta-feira, das 8h ao meio-dia e das 14h às 19h. Quem for de fora da cidade tem a opção de mandar o material pelos Correios até o dia 14 de fevereiro. O resultado final sai no dia 8 de março.

Para participar do projeto Terças Musicais do Pró-Música e garantir a ocupação da Galeria Renato de Almeida do Pró-Música, o artista deve procurar o Centro Cultural até o dia 7 de fevereiro, preencher uma ficha de inscrição e formular uma proposta. Os projetos contemplarão 16 inscritos, sendo oito para cada iniciativa. De acordo com o edital, membros da diretoria da casa de espetáculos e convidados formarão uma comissão julgadora para avaliar as proposições. No dia 1º de março, será divulgada a lista dos agraciados. O regulamento está disponível em http://www.promusica.org.br/.

Joãozinho da Percussão, Bruna Mahr e Blend 87, Fabrício Conde, Márcio Hallack, Chadas Ustuntas, Caetano Brasil e Darandinos são os nomes que se apresentaram, em 2013, no Terças Musicais, que tem o objetivo de promover e divulgar os músicos locais. Nas artes visuais, o público que percorreu a galeria do Pró-Música pôde conferir trabalhos de Gustavo Machado, Alberto José Carlos Pinto, Renato Stehling, Rachel Gouvêa, coletiva organizada por Ricardo Reis Cavalcanti, Sêmea Kemil, Juhn Souza e Aline Carvalho.

Publicidade

Publicidade

Mais comentários

Ainda não é assinante?

Compartilhe

Publicidade

Encontre um tema na

Pesquisa

Edição impressa

Enquete

Você tem percebido impacto positivo das operações policiais nas ruas da cidade?