Publicidade

25 de Abril de 2014 - 17:25

Por Tribuna

Compartilhar
 
Seu Chico abre a programação na próxima quarta, reinventando canções de Chico Buarque
Seu Chico abre a programação na próxima quarta, reinventando canções de Chico Buarque
Beatles Forever
Beatles Forever
Trupicada
Trupicada
Roger Resende
Roger Resende

Nos seus 164 anos de existência, Juiz de Fora será celebrada não apenas no dia 31 de maio, data de sua fundação, mas durante todo seu mês de aniversário. O projeto "Maio cultural" terá mais de 170 atrações, a maioria com entrada franca nas áreas de circo, teatro, dança, música, contação de histórias, cinema e artes plásticas. A iniciativa foi desenvolvida pela Funalfa com o auxílio dos parceiros Cultural Bar, ArcelorMittal, Sesc e Museu Mariano Procópio. "A proposta é celebrar o aniversário de Juiz de Fora, envolvendo toda a cidade e reforçando uma de suas principais características: a vocação para a cultura", destacou o superintendente da Funalfa Toninho Dutra.

Segundo a Funalfa, a ideia é promover atividades diárias de cultura entre 30 de abril e 1º de junho, com opções para diversos gostos e faixas etárias. A programação não será concentrada apenas no Centro, mas também nos bairros Alto dos Passos, Bairu, Benfica, Caiçaras, Granbery, Jardim Glória, Linhares, Manoel Honório, Mariano Procópio, Salvaterra, Santa Luzia, São Pedro e Teixeiras. Nos últimos anos, parte dos festejos de aniversário da cidade estavam incluídos no Corredor Cultural, evento da Funalfa que promovia dois (três, em algumas edições) dias de programação cultural ininterrupta.

O "Maio cultural" terá início já na próxima quarta, dia 30, com show dos pernambucanos do grupo Seu Chico, às 20h, na Praça Antônio Carlos. Buscando resgatar a riqueza da música nacional, os rapazes mesclam a poesia das composições de Chico Buarque com gêneros essencialmente brasileiros, vindos de sua terra natal, como o maracatu e o frevo. Entre outros destaques da programação musical, estão a bateria da Portela (RJ), os cariocas Black Bom, que promovem uma viagem pela black music desde o funk anos 70, R & B, até o hip-hop dos dias de hoje, o rap MC Marechal (RJ) e, claro, as pratas da casa Beatles Forever, Trupicada e Roger Resende.

Para além dos sons, a maratona de arte e cultura incluirá, ainda, o Salão de Humor de Juiz de Fora e a Mostra de Dança da Cidade, sendo que esta terá uma Noite de Gala, uma mostra de coreografias, o 3º Festival Nacional de Dança de Salão e os espetáculos "Quem somos nós", do Centro Cultural Carioca, "Sopros" e "Nossos espaços vazios", da Escola Técnica Estadual de Teatro Martins Pena, também do Rio. Unindo música clássica e teatro, o espetáculo "Cartas musicais, notas pessoais - Mozart e seu pai", de São João del-Rey, também está confirmado no cronograma

Tradicional no calendário da cidade, a Festa das Etnias será outra integrante das comemorações, sendo realizada na Praça Antônio Carlos com o tema "Religiosidade", trazendo as feiras de alimentos e de artesanato já esperadas pelos juiz-foranos. Os pequenos não ficaram de fora da festa da cidade: estão programadas, para eles, duas edições do Piquenique Encantado com personagens da literatura infantil, Caça ao Saci, Escola de Circo Carequinha, Trupe Gabi Gabizoca e a Caravana Mezcla de Palhaços, além de shows com Leves Cantos e RodaDança, entre outras opções. A programação completa, com as datas de cada evento, será divulgada pela Funalfa nesta segunda-feira, dia 28.

Publicidade

Publicidade

Mais comentários

Ainda não é assinante?

Compartilhe

Publicidade

Encontre um tema na

Pesquisa

Edição impressa

Enquete

Você acha que alertas em cardápios e panfletos de festas sobre os riscos de dirigir sob efeito de álcool contribuem para reduzir o consumo de bebidas por motoristas?