Publicidade

09 de Dezembro de 2013 - 10:07

Por Tribuna

Compartilhar
 
Artista lutava contra um câncer há mais de 10 anos
Artista lutava contra um câncer há mais de 10 anos

Atualizada às 16h11

Morreu na manhã desta segunda-feira (9), aos 74 anos, a artista plástica Nívea Bracher. A artista, estava internada no Hospital Albert Sabin, e lutava contra um câncer há mais de 10 anos. Uma das expoentes de dois espaços consagrados na arte local, a Galeria Celina e a Sociedade de Belas Artes Antônio Parreiras, Nívea nasceu em uma família que se notabilizou nas artes plásticas de Juiz de Fora. Moradora do famoso Castelinho dos Bracher, localizado na Rua Antônio Dias 300, no Bairro Granbery, região central da cidade, ela era considerada uma das maiores pintoras da cidade. Dona de retratos, paisagens e naturezas mortas, que foram reunidos pela última vez no ano passado, no Museu de Arte Murilo Mendes (Mamm). Solteira, Nívea vivia com o irmão, Décio Bracher, na casa da família. O corpo de Nívea Bracher está sendo velado na capela de número 5, do Cemitério Municipal, e será sepultado às 9h de amanhã, no mesmo local.

Publicidade

Publicidade

Mais comentários

Ainda não é assinante?

Compartilhe

Publicidade

Encontre um tema na

Pesquisa

Edição impressa

Enquete

Você é a favor da proibição de rodeios em JF, conforme prevê projeto em tramitação na Câmara?