Publicidade

25 de Fevereiro de 2014 - 06:00

Por Tribuna

Compartilhar
 
Mais antiga integrante do bloco Recordar é Viver, Nair Silva é uma das personagens do documentário "Toque do samba"
Mais antiga integrante do bloco Recordar é Viver, Nair Silva é uma das personagens do documentário "Toque do samba"

Dionysia Moreira, Nair Silva e Cici. As três integrantes do bloco juiz-forano Recordar é Viver são as protagonistas do curta-metragem "Toque do samba", lançado nesta terça em duas sessões, às 14h30 e às 15h, no Anfiteatro João Carriço, com entrada gratuita. Dirigido por Mariana Tavares e Vannessa Resende, o documentário, que ganhou o apoio da Lei Murilo Mendes na edição de 2012, deve, posteriormente, seguir para festivais nacionais de cinema. Dyonisia se destaca na cena local do samba como cantora. Já Nair é a mais antiga integrante da agremiação. À Cici, é dada a incumbência de confeccionar os figurinos há 15 anos. "Cada uma tem seu jeito e uma força que tem muito a ver com o samba. As três são a prova viva de que a alegria de viver não tem relação com idade, tem mais a ver com a maneira como encaram o seu cotidiano. A Dionysia foi rainha três vezes. A Nair tem essa coisa do samba no pé, e a Cici é uma líder num grupo de mulheres", ressalta Mariana. O bloco Recordar é Viver segue da Praça Antônio Carlos até o Parque Halfeld nesta quinta-feira, às 17h30, como parte da programação do Corredor da Folia.

TOQUE DO SAMBA. Lançamento hoje, às 14h30, no Anfiteatro João Carriço (Av. Rio Branco 2.234 - Centro)

Publicidade

Publicidade

Mais comentários

Ainda não é assinante?

Compartilhe

Publicidade

Encontre um tema na

Pesquisa

Edição impressa

Enquete

Você acha que o Rio vai conseguir controlar a violência até a Copa do Mundo?