Publicidade

19 de Junho de 2014 - 06:00

Por Tribuna

Compartilhar
 

Com a proposta de transformar em uma megalópole a região do Rio de Janeiro, passando por Juiz de Fora, até São Paulo, foram definidas linhas de ação durante reunião de trabalho realizada ontem entre Parque Científico e Tecnológico de Juiz de Fora e Região e Secretaria Estadual de Transportes do Rio de Janeiro. Entre as propostas, estão modificar o traçado do trem de alta velocidade incluindo a ligação de Resende, Juiz de Fora a Belo Horizonte, em substituição ao traçado de Campinas à capital mineira, articular o Plano Estratégico de Logística e Transporte (Pelt) de Minas com o Programa Estratégico de Logística e Cargas do Rio de Janeiro (Pelc), integrar o polo automotivo de Resende com o juiz-forano e analisar a possibilidade de criar um centro de pesquisa voltado ao transporte no Parque Tecnológico.

Entre as propostas apresentadas por empresários e entidades públicas e privadas estão, ainda, consolidar o Aeroporto Presidente Itamar Franco, disponibilizar estrutura da UFJF para desenvolver o projeto da megalópole e encaminhar a proposta aos candidatos à presidência da República. Para o secretário de Desenvolvimento Tecnológico da UFJF, Paulo Nepomuceno, o encontro foi importante por apresentar os projetos de logística realizados individualmente por governos ou empresas. "Com estas ações iniciais já elencadas, o próximo passo será definir as prioridades e uma agenda de execução." Para o consultor e um dos articuladores do encontro, Paulo Protásio, o Governo do Rio de Janeiro abriu um capítulo novo no Pelc ao propor esta parceria com Minas. "Esta região mineira não pode ser vista apenas como lugar de passagem", enfatizou.

Publicidade

Publicidade

Mais comentários

Ainda não é assinante?

Compartilhe

Publicidade

Encontre um tema na

Pesquisa

Edição impressa

Enquete

Você escolhe seu candidato através de: