Publicidade

15 de Janeiro de 2014 - 07:00

Por Tribuna

Compartilhar
 

O comércio mineiro está otimista com relação às vendas de 2014. Pesquisa realizada pela Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo de Minas Gerais (Fecomércio-MG) revelou que 59,9% dos empresários apostam no crescimento das vendas este ano, apesar do fraco desempenho registrado no segundo semestre de 2013. Segundo o estudo, o otimismo se deve, sobretudo, à recuperação da economia (34,1%) e à realização da Copa do Mundo no Brasil (24,7%).

Sobre o resultado das vendas de julho a dezembro do ano passado, a pesquisa mostrou que 47,2% do comércio do estado registraram queda em relação ao mesmo período do ano anterior. O recuo foi de até 50%. Com relação ao Natal, considerado a melhor data para o setor, 75,8% dos empresários afirmaram que tiveram desempenho igual ou abaixo do alcançado em 2012.

Na avaliação do economista da entidade, Gabriel Ivo, as oportunidades de crescimento das vendas para este ano já começam agora em janeiro. "Como os estoques estão em alta, os empresários apostam em promoções e liquidações para impulsionar as vendas deste mês." Ele orienta que, para garantir os bons resultados, é preciso acompanhar o comportamento dos consumidores e dos concorrentes. "Isto exige uma postura atenta dos gestores que vai além de multiplicação de lojas, mas que se estendem a canais, produtos, serviços diferenciados e atitude sustentável."

CNDL prevê alta

A projeção da Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL) e do Sistema de Proteção ao Crédito (SPC Brasil) para o comércio brasileiro é de que haja crescimento de 4% em 2014 nas vendas a prazo. Para a economista do SPC Brasil, Luiza Rodrigues, trata-se de

Publicidade

Publicidade

Mais comentários

Ainda não é assinante?

Compartilhe

Publicidade

Encontre um tema na

Pesquisa

Edição impressa

Enquete

Você concorda com a multa para o consumidor que desperdiçar água, conforme anunciou o Governo de São Paulo?