Publicidade

10 de Abril de 2014 - 06:00

Por Tribuna

Compartilhar
 

Termina no dia 22 de abril o prazo para os contribuintes da Prefeitura de Juiz de Fora (PJF) que possuem parcelamentos e reparcelamentos de dívidas ativas descumpridos renegociarem seus débitos. Este ano, a regularização fiscal pode ser feita conforme a nova Lei do Parcelamento (12.896/2013), sancionada pela administração atual do município. Essa norma apresenta aos devedores mais opções de pagamento, como parcelamento em até 36 vezes ou pagamento à vista com redução do valor da multa.

Segundo o Secretário da Fazenda de Juiz de Fora, Fúlvio Albertoni, 30 mil contribuintes estão em dívidas com o município. Desse número, 1.500 são relacionados a parcelamentos e reparcelamentos descumpridos. No primeiro caso, o devedor pode reparcelar o valor de 13 a 60 vezes, com juros de mora de 9% ao ano e redução dos juros do antigo parcelamento. Nos reparcelamentos que não foram pagos também há opção de negociação em até 36 vezes.

Albertoni ressaltou, ainda, que a expectativa é de que 5% desses devedores negociem suas dívidas até o dia 22 desse mês. "A previsão era de 10%, mas como teremos um feriado na próxima semana, acreditamos que não bateremos essa meta". O secretário também informou que todos os contribuintes em débito já foram notificados, e que maioria das dívidas refere-se a Imposto Predial Territorial Urbano (IPTU) e Imposto Sobre Serviços de Qualquer Natureza (ISS).

As negociações estão sendo feitas no Espaço Cidadão, localizado na Avenida Rio Branco, 2.234.

Publicidade

Publicidade

Mais comentários

Ainda não é assinante?

Compartilhe

Publicidade

Encontre um tema na

Pesquisa

Edição impressa

Enquete

Você acha que o Governo federal deve refinanciar as dívidas dos clubes de futebol?