Publicidade

17 de Abril de 2014 - 07:00

Projeto prevê quatro novas lojas âncoras, 70 satélites e até mil empregos para 2016

Por Tribuna

Compartilhar
 
Projeto seria implantado onde hoje está localizado o estacionamento descoberto
Projeto seria implantado onde hoje está localizado o estacionamento descoberto

O Independência Shopping tem planos de expandir em cerca de 50% sua área bruta locável (ABL), passando dos atuais 24.493 m² para quase 37 mil m². O projeto, que ainda depende de aprovações para ser executado, configuraria a primeira expansão do empreendimento e seria implantado onde hoje está localizado o estacionamento descoberto. Com a ampliação, o shopping ganharia quatro novas lojas âncoras, 70 lojas satélites, 700 vagas cobertas para veículos e criaria entre 750 e mil vagas de emprego. O planejamento prevê início das obras em janeiro do próximo ano com finalização para abril de 2016.

Sem revelar a previsão de investimentos para a expansão, o superintendente do shopping, Sérgio Koffes, diz que o projeto foi pensado há mais de quatro anos. "Quando se constrói um empreendimento deste tipo, o pensamento é sempre com olhar a frente. Desde o início é pensado o que a cidade precisa para melhorar a experiência dos clientes e como se pode contribuir para o comércio local." Sobre as novas lojas, ele não confirma possíveis nomes nem a data que será iniciada a comercialização. "Estamos aguardando a aprovação do projeto para seguir adiante. Mas nossa proposta é de inovar para melhor atender a população." Com relação ao tamanho dos estabelecimentos, ele explica que, geralmente, as âncoras têm mais de mil m², já as satélites variam. Na análise de Koffes, hoje os shoppings são mais do que grandes centros comerciais. "O cliente não vai ao local só pelas lojas. Ir ao shopping se tornou uma experiência de compras, lazer e entretenimento." Sendo assim, segundo ele, a primeira expansão do Independência Shopping terá este objetivo. "Nossa ideia é focar em restaurantes e lazer."

 

Números

Mensalmente, o Independência Shopping recebe cerca de 420 mil pessoas e vende, em média, R$ 20 milhões. Para Koffes, o empreendimento tem alcançado bons resultados em Juiz de Fora desde a inauguração, em 2008. "Em seis anos de atuação estamos num período de maturação do shopping, que é confirmado pelos resultados positivos. A experiência na cidade tem sido boa." O empreendimento conta com trabalho de dois mil funcionários e possui estacionamento com cerca de 1.150 vagas. A área de influência abrange em torno de 511 mil moradores.

 

Concorrência

A inauguração do Shopping Jardim Norte, prevista para o próximo ano, não preocupa Koffes. "A cidade comporta dois grandes centros comerciais. A concorrência melhora o nível de qualidade do serviço prestado e traz mais alternativas para o mercado consumidor. Mas os dois empreendimentos serão localizados em regiões diferentes e destinados a públicos diferentes."

Publicidade

Publicidade

Mais comentários

Ainda não é assinante?

Compartilhe

Publicidade

Encontre um tema na

Pesquisa

Edição impressa

Enquete

Você escolhe seu candidato através de: