Publicidade

18 de Abril de 2014 - 07:00

Por Tribuna

Compartilhar
 
Tipos de peixes mais procurados foram os populares, como sardinha, cavalinha e filé de merluza
Tipos de peixes mais procurados foram os populares, como sardinha, cavalinha e filé de merluza

Muitos consumidores foram às compras nesta quinta-feira (17), véspera de feriado, em busca do item principal do cardápio da Sexta-feira da Paixão: o peixe. Segundo comerciantes do ramo, o movimento de clientes foi 30% maior que o registrado nos demais dias da quaresma. Porém, não houve crescimento nas vendas em comparação com o mesmo período do ano passado. Os tipos de peixes mais procurados foram os populares, como sardinha, cavalinha, e filé de merluza. Ainda de acordo com empresários, o preço desses pescados não sofreu alteração nos últimos dias.

A funcionária do supermercado Granjamar, Rozenéia Soares, disse que a quinta-feira da Semana Santa é o dia de maior movimento de clientes, e que para garantir mais vendas, o estabelecimento vai abrir as portas também nesta sexta, até às 12h. Na Peixaria Mares Gerais a movimentação também era grande nesta quinta-feira. "Durante a quaresma tivemos um aumento de 30% nas vendas. Mas nesta quinta, comparando com 2013, o movimento está igual", explicou o peixeiro Zeca Fonseca.

No comércio de pescado Minas Mar, assim como nos outros estabelecimentos pesquisados pela Tribuna, a sardinha e a cavalinha estão sendo comercializadas entre R$ 7,90 e R$ 8,90, o quilo. O preço do filé de merluza congelado estava padronizado, a R$ 18,90 o quilo. "A expectativa era de que as vendas fossem maior que no ano passado", lamentou o funcionário Willian Karles Luiz. A procura por bacalhau também foi grande. Na tarde desta quinta, dezenas de pessoas esperavam na fila para serem atendidas na Casa do Queijo. "Nossas vendas aumentaram 12% hoje, na comparação com os demais dias da Quaresma", disse a dona do estabelecimento, Sabrina Andrade Novaes. O proprietário da Center frios, Pedro Sol Correia Paes Leme, reclamou da qualidade dos alimentos ofertada pelo mercado. "Trabalho apenas com bacalhau, e esse ano o produto veio branco e menos graúdo." Segundo ele, o bacalhau do porto foi o mais procurado e pode ser encontrado a R$ 42,99.

A aposentada Maria Domingas disse que é tradição em sua família não comer carne vermelha na Sexta-feira da Paixão. Ela garantiu, na tarde desta quinta-feira, sardinha fresca, e disse que ainda iria fazer uma pesquisa dos preços do bacalhau nos supermercados da cidade. "Como ele é mais caro que os outros peixes, vale a pena andar um pouco mais. "Já a auxiliar administrativa Ângela Maria Rodrigues preferiu comprar o peixe cavalinha. "Comprei bastante para fazer na sexta e no domingo de Páscoa".

Publicidade

Publicidade

Mais comentários

Ainda não é assinante?

Compartilhe

Publicidade

Encontre um tema na

Pesquisa

Edição impressa

Enquete

Você é a favor da adoção de medidas, como tarifas diferenciadas e descontos, para estimular a redução do consumo de água?