Publicidade

14 de Fevereiro de 2014 - 17:31

Editais devem sair nas próximas semanas; nomeações são prometidas para este ano

Por Tribuna

Compartilhar
 
O reitor ao lado de seu vice e de pró-reitor
O reitor ao lado de seu vice e de pró-reitor

Atualizada às 20h43

A Universidade Federal de Juiz de Fora confirmou nesta sexta-feira (14) a realização de concurso com oferta de 341 vagas, sendo 212 para Juiz de Fora e 129 para Governador Valadares. Segundo a instituição, esse é o maior concurso da sua história. Todas as oportunidades são para técnico-administrativo em educação nos níveis fundamental, médio e superior. Os vencimentos iniciais variam de R$ 1.302,72 a R$ 3.230,88, de acordo com o cargo.

As vagas serão divididas em dois editais. O primeiro será lançado na próxima semana e reunirá 278 vagas. O maior número de oportunidades (mais de 120) é para o cargo de assistente em administração, com exigência de nível médio completo. Neste caso, a data das provas já está confirmada e acontecerá em 23 de março (Governador Valadares) e 30 de março (Juiz de Fora). A publicação no Diário Oficial da União está prevista para acontecer entre os dias 19 e 21.

O segundo edital está previsto para março, reunindo 63 oportunidades. Em coletiva à imprensa, o reitor da UFJF, Henrique Duque, anunciou a perspectiva de liberação de mais 62 vagas pelo Ministério da Educação no próximo mês, o que aumentaria para 125 as oportunidades neste segundo certame.

Em ambos os casos, a universidade garante que a homologação do concurso será feita, pelo menos, três meses antes das eleições, permitindo a nomeação dos aprovados ainda este ano. A Lei 9.504, que estabelece normas para as eleições, proíbe nomeações nos três meses que antecedem a eleição e até a posse dos eleitos, "sob pena de nulidade de pleno direito". A regra, no entanto, só vale para concursos não homologados neste período.

Com os concursos, afirma o reitor, será possível "diminuir um pouco" o número de terceirizados, inclusive possibilitando a eles participar dos certames. Nas lista de cargos a serem preenchidos, há auxiliar de laboratório (fundamental incompleto), auxiliar em administração e de alunos (fundamental completo), técnicos em diversas áreas (médio/médio profissionalizante e médio/técnico) e funções de nível superior, como administrador, analista de sistemas, arquivista, bibliotecário, contador, enfermeiro, engenheiro, farmacêutico, fisioterapeuta e jornalista.

Segundo o pró-reitor de Planejamento, Carlos Elízio Barral, além de substituir terceirizados e criar novas ocupações (como manter um servidor público em cada biblioteca e em cada curso de mestrado e doutorado), o quantitativo de servidores técnicos será importante para dar suporte, com qualidade, à expansão constatada na universidade. Desde 2008, foram contratados 1.152 servidores efetivos, sendo 689 docentes e 463 técnicos-administrativos.

Também presente a coletiva, o presidente do Sindicato dos Trabalhadores em Educação da UFJF, Rogério da Silva, destacou a luta da categoria pela criação dos cargos e agradeceu o empenho da administração neste sentido.

Conforme a UFJF, é permitida a participação de um mesmo candidato em mais de um concurso, desde que a prova seja aplicada em datas distintas. A informação é que os editais estão sendo finalizados. Os concursos terão validade de dois anos, podendo ser prorrogado por igual período.

Publicidade

Publicidade

Mais comentários

Ainda não é assinante?

Compartilhe

Publicidade

Encontre um tema na

Pesquisa

Edição impressa

Enquete

Você concorda com o TJ, que definiu que táxi não pode ser repassado como herança?