Publicidade

21 de Fevereiro de 2014 - 04:00

Em grupo difícil, Tupi estreia contra o Macaé, em Juiz de Fora, no dia 27 de abril

Por Wallace Mattos

Compartilhar
 
Lúdyo conversa com Adê no jogo da última quarta
Lúdyo conversa com Adê no jogo da última quarta

Saiu nesta quinta-feira (20) a tabela básica da Série C do Campeonato Brasileiro 2014. O Tupi tem a estreia programada para o dia 27 de abril, contra o Macaé, com mando de campo dos juiz-foranos. O Carijó está no grupo B da competição que, além do adversário da primeira rodada, tem Duque de Caxias e Madureira, também do Rio de Janeiro; Caxias e Juventude, ambos do Rio Grande do Sul; além de São Caetano, Guarani, Mogi Mirim e Guaratinguetá, todos de São Paulo.

Na chave A da Terceirona estão Paysandu e Águia de Marabá, do Pará; Asa e CRB, de Alagoas; Salgueiro e Fortaleza, do Ceará; Treze e Botafogo, da Paraíba; além de Cuiabá, do Mato Grosso; e do Betim, de Minas Gerais. A tabela pode sofrer mudanças, já que ainda não foram confirmados horários e estádios para a realização das partidas. Até mesmo os grupos podem ser alterados, já que o rebaixamento do Betim foi determinado pelo Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) no início do mês, e o clube mineiro deve ser substituído por outra equipe.

Os quatro melhores de cada chave da Série C se classificam para as quartas de final da Terceirona. Desse primeiro mata-mata da competição nacional, formado em cruzamento olímpico entre os classificados dos grupos A e B, serão conhecidos os times que sobem para a Série B 2015. Por enquanto, com as atenções voltadas para o Campeonato Mineiro, a diretoria do Carijó não fez um estudo detalhado da tabela da Terceirona, o que acontecerá nas próximas semanas.

 

Lúdyo fica

Técnico interino do Tupi no empate sem gols da última quarta-feira com o Villa Nova, no Estádio Municipal, o auxiliar da comissão permanente do Carijó, Lúdyo Santos, ganhou pelo menos mais um jogo à frente da equipe. Ele comandará o time juiz-forano também na partida deste sábado, contra o Nacional, às 16h, no Mário Helênio, pela sétima rodada do Campeonato Mineiro.

O entendimento da diretoria carijó foi de que uma troca neste momento não faria efeito imediato, como disse o diretor-executivo do Tupi, Alberto Simão. "A comissão está mantida para o jogo de sábado. É uma semana que praticamente não tivemos treinos e não justifica fazermos uma mudança nesse momento. Até porque, independente da qualidade do treinador que viesse, não teria tempo hábil para conhecer o plantel nem para fazer alguma mudança tática. Então, vamos aguardar o resultado deste fim de semana para entender o nosso papel nesse Mineiro", explicou.

Para os dirigentes do carijó, a partida deste sábado servirá como divisor de águas para o clube no Estadual, determinando inclusive os próximos passos do planejamento do Alvinegro de Santa Terezinha. "Vamos saber nesse sábado se lutaremos apenas pela manutenção do Tupi na elite do Campeonato Mineiro ou por uma classificação para as semifinais. Depois do resultado do fim de semana, voltaremos a nos reunir e traçar os rumos do clube nesse semestre", disse Alberto.

 

Reforço

Além da confirmação de Lúdyo Santos no comando do time neste sábado, sexta também foi dia de apresentação em Santa Terezinha. Para ser mais uma opção na armação do meio de campo, o Carijó contratou o jovem Álvaro. O jogador de 20 anos foi destaque nas categorias de base do Atlético-MG, de onde vem por empréstimo ao Tupi, com os salários pagos pelo clube de Belo Horizonte, até o final do Mineiro, com possibilidade de renovação até o fim da Série C.

Publicidade

Publicidade

Mais comentários

Ainda não é assinante?

Compartilhe

Publicidade

Encontre um tema na

Pesquisa

Edição impressa

Enquete

Você é a favor da proibição de rodeios em JF, conforme prevê projeto em tramitação na Câmara?