Publicidade

27 de Março de 2014 - 07:00

Por Tribuna

Compartilhar
 
Obstáculo artificial, cova foi criada para enriquecer o evento e proporcionar mais adrenalina
Obstáculo artificial, cova foi criada para enriquecer o evento e proporcionar mais adrenalina
Rock Garden é outro obstáculo artificial, produzido para aumentar o nível técnico da competição
Rock Garden é outro obstáculo artificial, produzido para aumentar o nível técnico da competição

A elite do ciclismo das Américas invadiu Barbacena, na Zona da Mata de Minas Gerais. A partir desta quinta-feira (27), será dada a largada para a edição 2014 do Pan-Americano de Mountain Bike, disputado no entorno do Parque de Exposições Senador Bias Fortes nas modalidades cross country e downhill. Desde a última terça-feira, as feras do esporte do Brasil e de mais 16 países estão desembarcado na Cidade das Rosas para reconhecimento de percursos, treinamentos livres, treinos oficiais e para competir para valer.

Dois juiz-foranos estarão na disputa da principal prova do cross country no Pan. Eles entram em ação no domingo à tarde, ao lado de feras de países como Estados Unidos, Colômbia, Canadá e México, entre outros. A juiz-forana Roberta Stopa (Damatta/Dabomb/X-Fusion) é uma das representantes brasileiras na elite feminina, largando para a prova às 13h. O ciclista de Juiz de Fora Daniel Grossi (Guma/Groove/Mr.Tugas/Inspire) também estará defendendo as cores do Brasil, na elite masculina, que começa às 15h15, encerrando o fim de semana de disputas em Barbacena.

 

Começa hoje

A primeira competição do Pan nas trilhas barbacenenses será nesta quinta, um pega no qual o que conta é o trabalho conjunto. Os 30 países participantes selecionarão entre seus atletas um biker da elite masculina, uma da elite feminina, um do sub-23 e um júnior para compor o revezamento por equipes do cross country. A partir das 15h, os primeiros ciclistas de cada nação largam para a volta inicial no percurso de cerca de 5km. Cada um dos competidores dá uma volta, passando a missão de completar a seguinte para o companheiro, e o time que cruzar na frente após a quarta passagem vence, inaugurando o alto do pódio e o quadro de medalhas deste ano. A abertura oficial do evento só acontece após a entrega dos primeiros prêmios. A cerimônia está marcada para as 17h, no Parque de Exposições Senador Bias Fortes.

Na sexta-feira, o cross country domina a parte da manhã, com a disputa das categorias master e juvenil entre 8h30 e 12h30, valendo medalha. Na segunda metade do dia, quem entra em ação para valer são os atletas do downhill. A partir das 13h, os bikers despencam a ladeira na tomada de tempo que define a ordem de largada de todas as categorias da modalidade. O início do sábado será dedicado às categorias de base do cross country, com a disputa do feminino júnior, entre 9h e 10h, e do masculino júnior, entre 11h e 12h30. As competições do downhill começam às 13h e todas as divisões conhecerão seus campeões pan-americanos até o fim do dia. Para o domingo, além das disputas da elite do cross country à tarde, estão previstas a categoria sub-23 feminina, abrindo o dia, às 9h e, logo em seguida, às 11h, é a vez da mesma faixa etária na masculino.

Publicidade

Publicidade

Mais comentários

Ainda não é assinante?

Compartilhe

Publicidade

Encontre um tema na

Pesquisa

Edição impressa

Enquete

Você concorda com a retirada das pinturas de Lucio Rodrigues dos pontos de ônibus?