Publicidade

18 de Maio de 2014 - 06:00

Escola de Formação de Futebolista da Faculdade de Educação Física e Desporto da UFJF desenvolve jovens de 11 a 15 anos

Por NATHANI PAIVA

Compartilhar
 
Treinos são orientados por professor e bolssistas da FaefidFELIPE COURI
Treinos são orientados por professor e bolssistas da FaefidFELIPE COURI

O sonho de algumas crianças e adolescentes juiz-foranos em se tornarem jogadores de futebol pode virar realidade. Há pouco mais de um mês o projeto de extensão Escola de Formação de Futebolista da Faculdade de Educação Física e Desporto (Faefid) da Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF) está selecionando jovens atletas. Os participantes devem ter entre 11 a 15 anos e precisam comparecer aos treinos que acontecem na Faefid às terças, quintas e sextas-feiras, das 8h30 às 10h30 ou das 14h30 às 16h30. Atualmente, o projeto oferece duas categorias: a sub-13, que recebe garotos entre 11 e 13 anos, e a sub-15, para alunos de 14 e 15 anos. Cada grupo terá até 25 alunos.

O coordenador do projeto Marcelo Matta, explica que as atividades são gratuitas e que os treinos são ministrados por ele e quatro bolsistas da Faefid. "A expectativa é de criarmos um centro de excelência de jovens futebolistas. Durante os treinos vamos verificar os atletas que possuem habilidade e capacidade acima da normalidade. Os alunos que apresentarem mais talento ficarão conosco. Dessa forma, iremos aprimorar a técnica desses jovens atletas. Já os que não forem selecionados serão destinados para outros projetos, como o de voleibol e natação".

Marcelo comenta, ainda, que entre as atividades estão jogos amistosos nos finais de semana.

O trabalho está vinculado a pesquisas de Trabalhos de Conclusão de Curso (TCC) e Mestrado da Faefid. "Existem muitos projetos sociais na cidade, mas percebo que alguns alunos têm dificuldade em apresentarem talento, pois não encontram infraestrutura para treinar. Por isso, toda a Universidade vai estar a serviço desses meninos. Além disso, daqui a alguns anos, pretendemos criar as categorias sub-17 e 20", relatou.

O bacharel em Educação Física, Wellington Helder da Matta, 25, se formou recentemente na UFJF e agora está treinando os garotos do projeto de extensão Escola de Formação Futebolista da Faefid. Para ele, esta é uma oportunidade de colocar em prática tudo o que aprendeu na faculdade. "Além da técnica, estamos averiguando o comportamento e conduta de cada aluno. Para ser um grande atleta não é necessário ser apenas bom de bola. Também é importante que ele saiba ter uma boa relação com os outros jogadores".

 

Oportunidade

O estudante Mateus Severo, 15 anos, chegou tímido ao treino do projeto, mas logo se soltou e mostrou desenvoltura com a bola nos pés. Ele diz sonhar em ser jogador de futebol, mas não pretende largar os estudos pelo esporte. "Quero conciliar os dois", planeja o fanático do Vasco. Para Mateus, o projeto está sendo uma grande oportunidade de mostrar seu talento. "Fiquei sabendo da escolinha através de um amigo. Agora, acho que não quero mais sair daqui", destacou.

Victor Hugo, também de 15 anos, começou jogando bola em outro projeto do Bairro São Geraldo e sonha alto. "Vou me empenhar para ficar no projeto e quem sabe um dia consigo jogar no Flamengo".

Publicidade

Publicidade

Mais comentários

Ainda não é assinante?

Compartilhe

Publicidade

Encontre um tema na

Pesquisa

Edição impressa

Enquete

Você está evitando contrair dívidas maiores em função da situação econômica do país?