Publicidade

27 de Abril de 2014 - 06:00

Por Wallace Mattos

Compartilhar
 
Rodrigo volta a jogar hoje pelo Tupi
Rodrigo volta a jogar hoje pelo Tupi

Também usando o ano do descenso como exemplo, o técnico Léo Condé quer um início forte de competição nessa Terceirona para não haver aperto mais tarde. "Conversamos bastante com os jogadores e passamos a importância que é a competição, principalmente com o jogo de estreia sendo dentro de casa. Eles têm consciência disso. Alertei os atletas para a situação peculiar da Série C deste ano, que tem seis rodadas e vai dar uma parada. O Tupi já teve uma experiência em 2012 de ter iniciado mal e depois não conseguir se recuperar. Então, é importantíssimo iniciarmos bem, até porque quatro desses jogos são em casa, serão difíceis, pois o nível de qualidade e investimento é parecido, mas, até por isso, não podemos desperdiçar a oportunidade de fazer o maior número de pontos possível", aconselha.

O recado do treinador foi entendido pelo grupo, como mostra o volante Maguinho. Único jogador criado na base do Tupi a iniciar a partida de hoje, o cabeça de área sabe quais tradições deve seguir e o que não pode ser repetido para que o clube faça uma Série C segura. "A partir do momento que a gente veste essa camisa, tem de procurar honrar a tradição de luta, de entrega dentro de campo. Graças a Deus minha característica é essa, e em todos os jogos terei isso. Pode deixar comigo a missão de carregar essa marca a partir da estreia. Quando caímos, tivemos muito aprendizado. Então temos que entender que não podemos começar com o pé esquerdo. Em 2012, achamos que daria para recuperar, o que não aconteceu. Assim, temos seis jogos muito difíceis nesse início, nos quais não podemos vacilar e devemos aproveitar para fazer uma pontuação boa", deseja.

Até a parada para a Copa, o Tupi enfrenta, depois do Macaé, Juventude (fora de casa), Guaratinguetá, Caxias-RS (ambos em Juiz de Fora), Mogi Mirim (fora) e Madureira (em casa).
 

Sem aperto

Também usando o ano do descenso como exemplo, o técnico Léo Condé quer um início forte de competição nessa Terceirona para não haver aperto mais tarde. "Conversamos bastante com os jogadores e passamos a importância que é a competição, principalmente com o jogo de estreia sendo dentro de casa. Eles têm consciência disso. Alertei os atletas para a situação peculiar da Série C deste ano, que tem seis rodadas e vai dar uma parada. O Tupi já teve uma experiência em 2012 de ter iniciado mal e depois não conseguir se recuperar. Então, é importantíssimo iniciarmos bem, até porque quatro desses jogos são em casa, serão difíceis, pois o nível de qualidade e investimento é parecido, mas, até por isso, não podemos desperdiçar a oportunidade de fazer o maior número de pontos possível", aconselha.

O recado do treinador foi entendido pelo grupo, como mostra o volante Maguinho. Único jogador criado na base do Tupi a iniciar a partida de hoje, o cabeça de área sabe quais tradições deve seguir e o que não pode ser repetido para que o clube faça uma Série C segura. "A partir do momento que a gente veste essa camisa, tem de procurar honrar a tradição de luta, de entrega dentro de campo. Graças a Deus minha característica é essa, e em todos os jogos terei isso. Pode deixar comigo a missão de carregar essa marca a partir da estreia. Quando caímos, tivemos muito aprendizado. Então temos que entender que não podemos começar com o pé esquerdo. Em 2012, achamos que daria para recuperar, o que não aconteceu. Assim, temos seis jogos muito difíceis nesse início, nos quais não podemos vacilar e devemos aproveitar para fazer uma pontuação boa", deseja.

Até a parada para a Copa, o Tupi enfrenta, depois do Macaé, Juventude (fora de casa), Guaratinguetá, Caxias-RS (ambos em Juiz de Fora), Mogi Mirim (fora) e Madureira (em casa).

Acesso e ingressos

Os ingressos para Tupi x Macaé custam R$ 20 (inteira) e R$10 (meia-entrada para estudantes, menores de 12 anos e maiores de 60). As bilheterias e os portões do Estádio Municipal serão abertos a partir das 14h. A Secretaria de Transporte e Trânsito (Settra) vai disponibilizar cinco ônibus extras da linha 517/Estádio para o transporte da torcida. A primeira viagem sairá da Avenida Presidente Itamar Franco, em frente ao Procon, às 13h. Para o retorno dos torcedores ao Centro, o último coletivo está agendado para as 18h40.

 


Tupi x Macaé
Estádio Municipal - 16h

Tupi: Rodrigo; Henrique, Wesley Ladeira, Fabrício Soares e Bruno Barros; Felipe Lima, Maguinho, Genalvo e Dieguinho (Álvaro); Núbio Flávio e Wesley. Técnico: Léo Condé

Macaé: Milton Raphael; Daniel, Filipe Machado, Leandro Cardoso e Marco Goiano; Gedeil, Tiago Pedra, Leozinho e Alex; Diniz e João Carlos. Técnico: Júnior Lopes

Árbitro: Geanderson da Conceição Godoi

Galeria de Imagens

Publicidade

Publicidade

Mais comentários

Ainda não é assinante?

Compartilhe

Publicidade

Encontre um tema na

Pesquisa

Edição impressa

Enquete

Você acha que os resultados do programa "Olho vivo" vão inibir crimes nos locais onde estão as câmeras?