Publicidade

15 de Abril de 2014 - 07:00

Meia de 23 anos troca Nova Iguaçu por Santa Terezinha e reforça o meio de campo carijó

Por Wallace Mattos

Compartilhar
 
Meia de 23 anos se destacou no Nova Iguaçu
Meia de 23 anos se destacou no Nova Iguaçu

Com status de novo camisa 10 de Santa Terezinha, foi apresentado nesta segunda-feira (14) pelo Tupi o meia Dieguinho. Vindo do Nova Iguaçu, o jogador de 23 anos foi um dos destaques do Campeonato Carioca e fica emprestado ao clube juiz-forano até o fim da Série C do Brasileiro, pois ainda tem vínculo com o time do Rio de Janeiro, no qual fez toda sua categoria de base e se profissionalizou há duas temporadas.

De acordo com o diretor-executivo do Tupi, Alberto Simão, o jogador já vinha sendo observado há algum tempo e chega para tentar solucionar de vez o problema da armação do meio de campo. "Sempre foi um jovem promissor, mas ainda aguardávamos chegar em uma maturação maior. Fez um Carioca muito acima da média, até por isso a negociação foi difícil, porque ele tinha propostas. Achamos que agora ele tem condições de dar um passo à frente na carreira e assumir essa camisa 10 do Tupi", acredita o dirigente.

Para Dieguinho, que se define como um meia de bom passe, rápido e habilidoso, a camisa 10 do Carijó vem com uma certa carga de pressão, mas que deve ser dividida entre os companheiros também. O jogador acredita que precisa se adaptar ao time e quer fazer isso com rapidez. "É uma responsabilidade grande assumir essa camisa 10, porque conheço o Tupi, um clube centenário, de grande história. Mas a responsabilidade é de todos também. Preciso me adaptar para fazer uma boa Série C e Copa do Brasil. Fui bem recebido pelo grupo. Já conhecia alguns por tê-los enfrentado na Série D de 2013, e todos me receberam muito bem. Isso vai facilitar, vou me entrosar rapidamente, estou certo."

De acordo com o novo contratado do Carijó, a opção pelo time de Juiz de Fora se deu por diversos fatores. "Optei pelo Tupi por conhecer o clube, sua história e sua torcida. E por conta do Léo Condé. Joguei duas temporadas com ele (no Nova Iguaçu) e confio em seu trabalho. Ter uma Série C também me motivou a vir, além de companheiros como o Filipe (volante, contratado na última semana), que veio para cá."

 

Mais amistosos

O Tupi também confirmou nesta segunda dois testes para essa semana. Depois de vencer o Boa Esporte no último sábado, por 1 a 0, em Varginha, na quarta o Tupi enfrenta o América-MG, em Belo Horizonte, às 16h, no Centro de Treinamentos Lanna Drumond, do Coelho. Já no sábado, também às 15h30, o Carijó estará na Baixada Fluminense para enfrentar o Duque de Caxias, no Centro de Treinamento do Tigre do Brasil, em Xerém.

Publicidade

Publicidade

Mais comentários

Ainda não é assinante?

Compartilhe

Publicidade

Encontre um tema na

Pesquisa

Edição impressa

Enquete

Você acha que alertas em cardápios e panfletos de festas sobre os riscos de dirigir sob efeito de álcool contribuem para reduzir o consumo de bebidas por motoristas?