Publicidade

17 de Julho de 2014 - 06:00

Por Wendell Guiducci/EDITOR

Compartilhar
 

Teve Copa. E Copa das boas. A melhor. E ganhou o melhor time. E o time mais simpático. E mais bem vestido. Nunca se viu tanto 0 a 0 emocionante como no Brasil. E vários golaços. E cada prorrogação, cada disputa de pênalti, aquela mordida...! E teve James Rodriguez. E Robben. E Campbell. E Ruiz. E Cuadrado. Samaras, Samaras! E aquele golaço do Van Persie. E esses goleiros incríveis e suas defesas maravilhosas. E GötzeMüllerSchweinsteigerKroosÖzilNeuerKhediraHummelsKloseLahmPodolski (raios de nomes compridos têm os alemães). E os turistas de divertiram pra burro, e houve poucos registros de violência, e o trânsito funcionou (mediante feriados municipais, mas vá lá) e foi todo mundo embora com saudade.

MAS

É bom que se lembre que os governos municipais, estaduais e federal têm umas penduras pra acertar ainda. Segundo levantamento do "Estado de S. Paulo" publicado esta semana, dos 84 projetos de infraestrutura anunciados em 2010, 12 foram descartados. Dos que foram mantidos e desmembrados entre as três esferas em 120 obras, 46 permanecem inacabadas. Brasília e Manaus não têm VLT. Cuiabá não tem monotrilho. São Paulo não tem o trem Expresso Aeroporto. No Recife, famílias despejadas ainda não foram inteiramente ressarcidas pela desapropriação.

Não esqueceremos a magnífica Copa das Copas.

Mas também não nos esqueçamos do que foi pra baixo do tapete.

Publicidade

Publicidade

Mais comentários

Ainda não é assinante?

Compartilhe

Publicidade

Encontre um tema na

Pesquisa

Edição impressa

Enquete

Você acha que a realização de blitze seria a solução para fazer cumprir a lei que proíbe jogar lixo nas ruas?