Publicidade

25 de Janeiro de 2014 - 07:00

Ausências de Jordan e Douglas Borges dão oportunidade ao goleiro na estreia do Carijó no Mineiro

Por Wallace Mattos

Compartilhar
 
Atleta treinou durante toda a semana na posição
Atleta treinou durante toda a semana na posição

O Tupi viaja neste sábado (25) para Belo Horizonte com uma dúvida na bagagem para a partida de estreia no Campeonato Mineiro. Sentindo o ombro direito, o goleiro Douglas Borges conseguiu uma boa recuperação, mas não deverá atuar no primeiro jogo oficial da temporada 2014, contra o América-MG, às 19h30, no Independência. Gonçalves, que treinou durante toda a semana na posição, é o favorito para vestir a camisa 1 na primeira rodada do Estadual.

Nesta sexta, antes do treinamento em Santa Terezinha, Douglas fez o aquecimento juntamente com os outros arqueiros do elenco e se preparou para fazer o teste que visava a avaliar se ele teria ou não condições de ir para o jogo. Depois de receber atenção do fisioterapeuta Téo Lopes e colocar uma proteção especial no ombro machucado, o goleiro fez toda a movimentação com o preparador Walker Campos, mas sentiu um desconforto em um dos últimos lances.

Segundo o fisioterapeuta do Carijó, a recuperação clínica do atleta tende a ser total, e seus aspectos técnico e psicológico é que vão determinar sua escalação. "Foram cerca de 30 bolas no teste que fizemos, e o Douglas sentiu apenas em uma, no finalzinho. Temos ainda algum tempo antes da partida, mas estou confiante de que ele poderá se recuperar completamente. Em termos de sua lesão, ele estará apto a ir para o jogo. Caberá à comissão avaliar sobre sua escalação levando em conta o lado psicológico, que em um goleiro é muito importante, e técnico", explicou Lopes.

Como o outro goleiro do elenco, Jordan, também está fora do jogo por força de contrato, já que pertence ao América e não foi liberado para o confronto, a chance de ser o titular na estreia deve cair no colo de Gonçalves. "A oportunidade não avisa quando vai aparecer, a gente tem que estar preparado. Fico chateado pelos companheiros, ainda mais pelo Douglas, que sentiu a lesão. Mas estou certo de que ele estará feliz se eu entrar lá e fizer uma grande partida ajudando o clube", disse.

 

Liberado

Se tem a questão no gol, o Tupi pode contar com a volta do lateral-esquerdo titular Elivélton. O jogador sentia dores musculares na coxa esquerda e havia ficado de fora dos últimos dois dias de treinamento, mas nesta sexta fez uma corrida leve antes da atividade, treinou em campo reduzido e participou normalmente do coletivo realizado logo em seguida. Assim, estará em campo contra o Coelho.

Publicidade

Publicidade

Mais comentários

Ainda não é assinante?

Compartilhe

Publicidade

Encontre um tema na

Pesquisa

Edição impressa

Enquete

Você acha que o Rio vai conseguir controlar a violência até a Copa do Mundo?