Publicidade

07 de Maio de 2014 - 21:13

Por Wallace Mattos

Compartilhar
 
Marcelinho (à esquerda) e Ewerton Maradona (à direita) já se juntaram ao grupo
Marcelinho (à esquerda) e Ewerton Maradona (à direita) já se juntaram ao grupo

Chegou, se apresentou e já treinou entre os titulares o novo camisa 10 do Tupi para a sequência da Série C do Campeonato Brasileiro. O experiente Ewerton Maradona, de 31 anos, vestiu nesta quarta-feira (7), pela primeira vez, a camisa alvinegra. A seu lado, o polivalente Marcelinho, 31, que se juntou ao grupo na última terça-feira, também foi oficialmente apresentado. Cria do clube, o jogador que pode ser utilizado como zagueiro, lateral-direito ou volante, foi outro que compôs a equipe principal.

Pedidos do técnico do Tupi, Léo Condé, ambos trabalharam com o treinador na Veterana durante o Campeonato Mineiro. Os dois reforços estavam atuando na equipe de Poços de Caldas até o dia 30 de abril, quando o time de Minas Gerais foi eliminado pelo Coritiba da Copa do Brasil. Os atletas aguardam agora a publicação da rescisão de seus antigos contratos para serem regularizados pelo Carijó e poderem atuar já na partida do próximo sábado, contra o Guaratinguetá, às 16h, no Estádio Municipal, pela terceira rodada do grupo B da Série C.

Já se sentindo à vontade dentro do grupo, o meia chega pensando em levar o Carijó ao acesso. "Fiz uma boa parceria com o Léo (Condé) na Caldense e esse convite dele me convenceu a vir. Aceitei logo de cara esse desafio. Fui muito bem recebido e, pelos atletas que encontrei aqui, este é um grupo qualificado para chegarmos a um patamar maior, uma Série B, por exemplo. Mas vamos cada passo de cada vez, e o primeiro é pensar em vencer o Guaratinguetá no próximo sábado", projeta Ewerton.

De volta a Santa Terezinha, Marcelinho também quer ver o time da cidade natal alçar voos mais altos. "Volto com muita felicidade e responsabilidade. Sei que o Tupi tende a crescer mais, então chego com esse objetivo, de buscar a Série B. Mais uma oportunidade boa de trabalhar com o Léo (Condé). Sempre que estivemos juntos, tivemos sucesso. Tomara que possamos repetir isso. Primeiro é pensar degrau a degrau, e o primeiro é vencer o Guaratinguetá em casa, para depois pensar em classificação e acesso", aconselha o jogador.

 

Características

Com o apelido que ganhou de um dos maiores craques do futebol mundial em todos os tempos, Ewerton disse que as semelhanças entre os dois são poucas, mas sabe que chega ao Tupi para ser o comandante do meio de campo. "O apelido Maradona surgiu no Atlético, onde fiz minha categoria de base, por ser cabeludo e canhoto e jogar no meio. Mas as semelhanças param por aí. Ele teve uma trajetória no futebol mundial, tenho a minha humilde história e quero no Tupi fazer história também. Já disputei a Série C muitas vezes e sei que ela fica mais difícil a cada ano, então sei que tenho que chamar a responsabilidade e estou aqui para isso", garantiu.

Polivalente, Marcelinho diz que não há problema em atuar em nenhuma posição para colaborar com o clube juiz-forano. "Quando aceitei a proposta, vim com o intuito de ajudar. Não importa se estarei na zaga, na lateral ou onde for. Nos treinamentos do dia a dia vou conhecendo os companheiros e me adaptando ao local que o treinador pretende me utilizar", explicou o jogador.

 

Testes

No treinamento desta quarta, o técnico Léo Condé realizou um trabalho em campo reduzido no gramado do Estádio Municipal. Na atividade, o comandante carijó realizou vários testes na equipe titular. O único desfalque foi o lateral-esquerdo Bruno Barros, com dores musculares, que apenas fez uma corrida leve em volta do campo.

Na defesa, Marcelinho fez revezamento com o lateral-direito Henrique e o zagueiro Wesley Ladeira, com Fabrício Soares sendo deslocado por vezes para a lateral esquerda. Já no meio de campo, os volantes Gustavo, Genalvo, Felipe Lima e Maguinho saíam e entravam no treinamento em períodos determinados por Condé, assim como os meias Raphael Toledo, Ewerton Maradona e Dieguinho. No ataque, as duplas Núbio Flávio e Wesley, e Maranhão e Oliveira, se alternaram. Hoje, o treinador carijó comanda o último coletivo do time antes do compromisso de sábado pela Série C.

 

Mais um

Nesta quarta à noite, o Tupi anunciou mais uma contratação, desta vez de um meia-atacante. Chico, de 22 anos, disputou o último campeonato Paulista pelo Atlético Sorocaba e será apresentado hoje, às 15h30, no Estádio Municipal.

Publicidade

Publicidade

Mais comentários

Ainda não é assinante?

Compartilhe

Publicidade

Encontre um tema na

Pesquisa

Edição impressa

Enquete

Você é a favor da adoção de medidas, como tarifas diferenciadas e descontos, para estimular a redução do consumo de água?