Publicidade

29 de Março de 2014 - 07:00

Por Tribuna

Compartilhar
 

O segundo dia do Pan-Americano de Mountain Bike, em Barbacena, na Zona da Mata de Minas Gerais, teve domínio brasileiro que dividiu com outros estrangeiros os postos mais altos dos pódios das categorias disputadas do cross country. Nesta sexta-feira (28), uma das vitórias brasileiras foi também juiz-forana: o ciclista local Robson Aloísio Silva chegou na frente na divisão master B1 masculina. A competição continua neste sábado, com a disputa dos juniores feminino e masculino do cross country, a partir das 9h, e de todas as faixas do downhill, a partir das 13h, nas trilhas do entorno do Parque de Exposições Bias Fortes.

Nas disputas desta sexta, os brasileiros conquistaram cinco dos dez ouros possíveis. Na master B1, o juiz-forano Robson Aloísio fechou as quatro voltas de percurso nos quase 5km planejados especialmente para o Pan de Mountain Bike em 1h06min48s, deixando o argentino Ariel Rodrigues em segundo, com 1h07min51s, e o também brasileiro João Erildo Silva em terceiro, com 1h10min01s. Na master B2, outro ciclista nacional Luiz Neto foi o vencedor, marcando 1h08min39s nos quatro giros no circuito.

Na master A1 quem levou a melhor foi o chileno Héctor González, fazendo cinco voltas na pista em 1h22min11s. Na master A2, o brasileiro Marconi Ribeiro chegou na frente, completando as cinco voltas em 1h19min03s. Ainda entre os homens, na master C1, o alto do pódio ficou com o também brasileiro Ricardo Machado, percorrendo três voltas em 55min06s, e na C2 o ganhador foi mais um ciclista nacional, Adolfo de Oliveira, fechando em 55min11s. No juvenil masculino, o colombiano Wilson Peña cruzou na primeira posição da categoria depois de três voltas com 46min05s.

Entre as mulheres, o domínio foi das estrangeiras. Na divisão juvenil, a colombiana Natália Rojas foi a vencedora, marcando 39min22s nas duas voltas que deu no percurso do Pan. Na master A, Márcia Barrios, do time venezuelano, foi a campeã, percorrendo as três voltas em 58min46s. Já na master B, Maria Alejandra de Bernardi, da Argentina, faturou o ouro, completando o domínio das ciclistas de fora do Brasil entre as meninas.

Publicidade

Publicidade

Mais comentários

Ainda não é assinante?

Compartilhe

Publicidade

Encontre um tema na

Pesquisa

Edição impressa

Enquete

Você já presenciou manifestações de intolerância religiosa?