Publicidade

12 de Março de 2014 - 21:51

Por Wallace Mattos

Compartilhar
 

Se a intenção de todas as equipes que jogam as primeiras fases da Copa do Brasil fora de casa é eliminar o jogo da volta, a missão do Tupi foi completamente cumprida nesta quarta (12). O Carijó foi até o interior da Bahia e venceu o Juazeiro por 2 a 0, com gols do centroavante Wesley e do lateral-esquerdo Raphael Toledo. Com o resultado, o time juiz-forano elimina a partida do dia 9 de abril, indo direto à segunda fase e esperando o vencedor do confronto entre Fluminense e Horizonte-CE.

Depois dessa estreia na competição nacional, as atenções da equipe juiz-forana se voltam para a decisão da vaga na semifinal do Campeonato Mineiro. No próximo domingo (16), o Alvinegro de Santa Terezinha recebe o Guarani, de Divinópolis, para compromisso às 16h, no Estádio Municipal, pela última rodada da fase de classificação. Além de precisar vencer, depois da vitória de ontem, por 2 a 0, do América-MG sobre o Boa Esporte, em Belo Horizonte, tem que contar com um tropeço de uma das duas equipes para avançar.

Na partida desta quarta, o Tupi quase foi surpreendido logo aos 4 minutos. Em cobrança de falta na lateral direita da área, o meia Wagner Manso mandou direto, e a bola beliscou o travessão antes de sair. Aos 8 minutos, a resposta juiz-forana veio em cabeçada do zagueiro Helder que parou na defesa de Uóston. No rebote, o atacante Núbio Flávio tentou a puxada, mas a finalização saiu à direita do gol do Juazeiro.

Buscando imprimir pressão sobre os juiz-foranos, o Tricolor das Carrancas usava bastante as jogadas aéreas. Mas quem chegou ao gol desta maneira foi o Tupi. O lateral-direito Henrique cobrou falta da esquerda, e Wesley deu cabeçada forte para inaugurar o marcador aos 21 minutos. Atrás, o Juazeiro sufocou até o fim da primeira etapa, mas o 1 a 0 para o time de Juiz de Fora prevaleceu até o intervalo.

O segundo tempo começou ainda com pressão do Juazeiro, mas Jordan e a defesa continuavam salvando o Carijó. O Tupi não conseguia desenvolver seu melhor jogo com bola rolando por conta das condições do gramado do Estádio Adauto Moraes, e as bolas paradas então passaram a ser a melhor opção dos juiz-foranos. Aos 16 minutos, o zagueiro Helder cabeceou perigosamente escanteio da direta, mas Uóston defendeu e armou saída rápida. O centroavante Júnior ficou cara a cara com Jordan, que fez a defesa.

Aos 25 minutos, o Tupi teve chance em cobrança de falta na entrada da área. Raphael Toledo colocou, mas a bola saiu com perigo, próxima ao ângulo direito do Juazeiro. Cinco minutos depois, o mesmo Toledo soltou uma bomba em cobrança da intermediária e fez 2 a 0 para o Carijó. Sendo eliminado, o time da casa se atirou de vez, mas a pressão de nada não adiantou.

Publicidade

Publicidade

Mais comentários

Ainda não é assinante?

Compartilhe

Publicidade

Encontre um tema na

Pesquisa

Edição impressa

Enquete

Você está evitando contrair dívidas maiores em função da situação econômica do país?