Publicidade

04 de Dezembro de 2013 - 07:00

Federal vai a Volta Redonda de olho na manutenção da posição no G8 da Superliga

Por Tribuna

Compartilhar
 

A equipe de vôlei da UFJF está em Volta Redonda para enfrentar o time da casa, nesta quarta-feira (4), às 20h, no Ginásio da Ilha de São João, em partida válida pela nona rodada da Superliga Masculina 2013/14. "Nós já nos conhecemos há muito tempo. Eles começaram a competição abaixo do seu padrão, mas estão jogando em casa, onde são fortes", afirmou o técnico da equipe juiz-forana, Carlos Augusto "Chiquita" Oliveira.

Com duas vitórias, a Federal está em oitavo lugar na tabela, com 8 pontos, e precisa ganhar para se manter no G8, o grupo dos oito melhores times, que avançam para os playoffs ao fim da fase de classificação. Já o Volta Redonda ocupa a 11ª posição, com 3 pontos.

A UFJF busca se recuperar da derrota por 3 a 2 sofrida para o São Bernardo em Juiz de Fora no último sábado. "Todos os times da competição têm oscilações dentro das partidas, mas estamos trabalhando diariamente para evoluir nossos percentuais de acertos nos fundamentos. Ainda assim, estamos apresentando 'apagões'. Acontece, mas acredito que, desde o primeiro jogo, nossa evolução foi muito grande", destacou o treinador.

O levantador e capitão Danilo Gelinski afirma que a equipe está concentrada e sabe da importância do duelo. "É um confronto direto. Nós podemos chegar até a sexta posição e abrir uma boa vantagem sobre o Volta Redonda. O grupo está focado e preparado para dar o melhor em quadra." Em caso de vitória e dependendo do resultado dos jogos de São Bernardo, Kappesberg/Canoas e Vivo/Minas, os juiz-foranos podem subir duas posições na tabela.

Gelinski acredita que o novo formato da competição, com apenas 21 pontos por set, não permite oscilações das equipes nas partidas. "O jogo fica muito rápido, não dá tempo para a recuperação. Estamos concentrados para conseguir virar as bolas e conquistar os 3 pontos", afirmou.

Publicidade

Publicidade

Mais comentários

Ainda não é assinante?

Compartilhe

Publicidade

Encontre um tema na

Pesquisa

Edição impressa

Enquete

Você acha que o Rio vai conseguir controlar a violência até a Copa do Mundo?