JF. domingo 26 fev 2017
OUÇA AGORA
Publicidade
22 de dezembro de 2016 - 11:48

Evolução natural

Novo Volkswagen Tiguan é testado na Itália
Por Tribuna
Novo Tiguan tem visual robusto por fora e mantém a austeridade típica da VW em seu interior (Foto: Divulgação)

Novo Tiguan tem visual robusto por fora e mantém a austeridade típica da VW em seu interior (Foto: Divulgação)

O Volkswagen Tiguan ganhou uma nova geração no mercado europeu. Completamente renovado, o modelo chega com visual robusto e que transmite imponência. O aumento no tamanho geral também é encontrado no interior. O modelo ganhou em espaço interno, proporcionado pela sua nova construção.

Primeiro utilitário esportivo construído sobre a plataforma MQB – a mesma do hatch Golf e do sedã Audi A3 -, o novo Tiguan ficou 50 kg mais leve que o antecessor. Visualmente, o modelo adotou um design caracterizado por formas quadradas, com linhas expressivas, que lembram muito o conceito Taigun, apresentado três anos atrás.

A frente tem visual agressivo e imponente, com faróis retangulares e uma enorme entrada de ar no para-choque. A linha de cintura lateral exalta robustez e se estende até a traseira, onde lanternas no formato de bumerangue completam o visual.Por dentro, apesar de ser tudo novo, continua com a mesma cara de carros da Volkswagen. As linhas continuam sóbrias e sólidas. No geral, o desenho se aproxima do atual Golf. A lista de equipamentos é vasta de série.

As versões de entrada contam com tela touch monocromática de 5 polegadas na função de central multimídia. Há ainda detectores de pedestres à frente com frenagem automática de emergência, além de assistente de mudança de faixa. As configurações intermediárias utilizam sistema multimídia com tela de cinco polegadas colorida e sensível ao toque, que cresce para oito polegadas nas versões topo de linha, que adotam ainda os sistemas Android Auto, Apple CarPlay e Mirror Link, bem como navegação GPS. O encantador painel de instrumentos digital é vendido como opcional, assim como o teto solar panorâmico.
Na Europa, o Volkswagen Tiguan oferece fartas opções de motores. São oito disponíveis, sendo quatro TSI a gasolina e quatro TDI a diesel. Os propulsores a gasolina terão 125, 150, 180 ou 220 cv de potência, enquanto os abastecidos a diesel oferecerão 115, 150, 190 ou 240 cv. A tração é sempre dianteira, mas há opção integral para versões topo de linha. Os preços variam de 27.550 euros (aproximadamente R$ 97 mil) na versão de entrada a 45.500 euros (R$ 160 mil) na versão topo de linha. Ainda não há previsão de vendas da nova geração do Tiguan no Brasil.

Publicidade


*

Restam 500 digitos

 

Top