Cadastramento em creche com vagas ociosas começa na segunda-feira

Inicia, a partir da próxima segunda-feira (20), o novo período de cadastramento para creches públicas e conveniadas à Prefeitura. São 46 vagas disponíveis para crianças entre zero e três anos. O prazo das inscrições termina em 20 de abril. A família deve se informar onde há vagas disponíveis antes de realizar o cadastro. Para isso, […]

Por Guilherme Arêas

17/03/2017 às 18:34hs - Atualizada 17/03/2017 às 18:34hs

Inicia, a partir da próxima segunda-feira (20), o novo período de cadastramento para creches públicas e conveniadas à Prefeitura. São 46 vagas disponíveis para crianças entre zero e três anos. O prazo das inscrições termina em 20 de abril. A família deve se informar onde há vagas disponíveis antes de realizar o cadastro. Para isso, é preciso ir à creche de interesse ou procurar a Secretaria de Educação pelos telefones 3690-7721 e 3690-7995 ou ainda na Avenida Getúlio Vargas, 200/2º andar, Centro.

Para o cadastro são necessários os seguintes documentos: comprovante de residência (conta de luz ou telefone), documento do responsável pela criança e de todos os adultos da casa, com foto (carteiras de identidade, trabalho ou motorista) e certidão de nascimento de todas as crianças e adolescentes que moram na casa (de zero a 17 anos). O interessado deve levar cópia apenas da certidão da criança que será cadastrada na creche.

Além desses, deve ser apresentado o documento de guarda formal da criança, caso não seja o pai ou a mãe a fazer o cadastro, comprovante de renda de todos os maiores de 18 anos e, se for o caso, do adolescente aprendiz: carteira de trabalho; contracheque; demonstrativo de crédito de benefício (DCB), retirado no banco onde recebe o benefício (aposentados, auxílios doença ou maternidade; Lei Orgânica da Assistência Social/Benefício de Prestação Continuada (Loas/BPC) e seguro-desemprego. Em caso de autônomo, fazer declaração de sua renda.

O conteúdo continua após o anúncio

São necessários também: cópias dos laudos médicos para as crianças com deficiência, para as crianças com neoplasia (câncer); cópia do laudo médico com nome do cuidador, caso tenha na família pessoa dependente por doença; comprovante de matrícula na creche, caso já tenha irmão frequentando o mesmo lugar e documento de encaminhamento, caso tenha sido levada pela Vara da Infância, Conselho Tutelar ou centros de Referência Especializado de Assistência Social (Creas) e de Assistência Social (Cras).

Leia também

Desenvolvido por Grupo Emedia