Publicidade

01 de Junho de 2014 - 06:00

Por JOSÉ LUIZ BRITTO BASTOS

Compartilhar
 

Em Juiz de Fora, assistir à realização e conclusão de antigos projetos de obras públicas é, sem dúvida, um considerável avanço urbanístico. Interesses da coletividade devem sempre estar acima de quaisquer outras questões, inclusive as político-partidárias. O mais importante é executar os projetos, com vistas a atender às crescentes demandas da cidade.

A conclusão do binário da Avenida Brasil é uma iniciativa importante. A tendência agora é que a avenida cumpra o seu papel, no sentido de explorar de forma mais eficaz o potencial de sua capacidade, atraindo maiores volumes de tráfego, aliviando a sobrecarga de outras vias, possibilitando melhorias no trânsito das vias adjacentes e da área central da cidade, quiçá dos bairros mais distantes. Isto é obrar a favor da mobilidade urbana, que hoje se encontra bastante comprometida não somente aqui mas em quase todas as cidades de médio e grande portes do país.

Nesse sentido, além do binário da Avenida Brasil, a nova via que liga o Bairro Vila Ideal ao Bairro Parque Guaruá é outra obra de relevância, pois se trata de uma nova rota alternativa que permitirá o deslocamento das regiões Sudeste/Centro/Sul da cidade sem passar pelas vias centrais, notadamente a Avenida Barão do Rio Branco, hoje já bastante comprometida por acentuado volume de tráfego.

Ansiosa por condições melhores de mobilidade, a cidade espera pela execução dos demais projetos, que incluem outras pontes sobre o Rio Paraibuna, assim como as trincheiras para transposição da via férrea, com vistas à melhor distribuição do tráfego, medidas que contribuirão para organizar melhor a mobilidade urbana, devolvendo ao povo a qualidade de vida que faz por merecer.

Hoje, totalmente reformada, a Avenida Rio Branco já não é mais foco das indesejáveis retenções enfrentadas pelo transporte público. Estamos avançando, e a Administração Municipal, que vem se esforçando para concluir legados e novos projetos, fará de Juiz de Fora uma cidade mais moderna, dotada de infraestrutura compatível com as suas atuais demandas.

Publicidade

Publicidade

Mais comentários

Ainda não é assinante?

Compartilhe

Publicidade

Encontre um tema na

Pesquisa

Edição impressa

Enquete

Você acha que os resultados do programa "Olho vivo" vão inibir crimes nos locais onde estão as câmeras?